Justiça Federal nega liberdade a outro hacker que abasteceu site sujo The Intercept

O juiz federal que cuida do caso da Operação Spoofing, negou liberdade ao hacker Luiz Molição, o último dos seis bandidos que invadiram e roubaram postagens, áudios e vídeos de celulares de autoridades federais (Moro e Dallagnol) e também de jornalistas e empresários.

Molição é figura chave na organização criminosa.

Junto com o líder Delgatti neto, o Vermelho, foi o hacker quem tentou vender o que tinha para o americano Glenn Greenwald, dono do site sujo The Intercept, cujo sigilo de um dos e-mails já foi quebrado por ordem judicial, mas que está sob crivo generalizado da PF.

Um comentário:

Unknown disse...

E o traste disfarçado de jornalista, Verdevialdo, quando vai parar na cadeia?