PDT quer Beto Albuquerque como um dos seus dois candidatos ao Senado

O PDT ofereceu aliança ao PSB do RS e quer que o ex-deputado Beto Albuquerque seja um dos dois candidatos a senador pela coligação.

A outra vaga ficaria com o ex-prefeito José Fortunati ou com o ex-deputado Vieira da Cunha.

O PDT deseja apresentar Jairo Jorge como candidato a governador.

A vice será oferecida a um terceiro parceiro da coligação.

3 comentários:

Alberto disse...

Que moral ainda tem o Partido Dos Traíras?

Carlos Mota disse...

SALVEMOS NOSSOS CARCAÇAS DOS LOBOS!!!!
Diante das explosões de raiva e insanidade mental de ambos os lados, vou lembrá-los de que quem votou na Dilma, votou no Temer. Vota-se em chapa e os seguidores do Temer votaram na Dilma, mesmo que não a quisessem. Isto desmistifica o golpe.
E sobre o tal "golpe", lembre-se de que não existe acordo entre bandidos de igual periculosidade; mais dia, menos dia, um haverá de trair o outro para surrupiar-lhe o quinhão roubado.
Enquanto vocês se digladiam; se ofendem; se minimizam; culpam uns aos outros, desmerecem-se mutuamente, os canalhas seguem usurpando o poder, saqueando a Nação e dando risada da cara de seus defensores.
Usem suas energias todas para unirem-se e acabarem com a corja de delinquentes existentes em todos os partidos e façam uma frente única para reerguer nosso país e assim retomarmos o rumo do desenvolvimento, do progresso e da igualdade social.
Creiam, não somos carneirinhos que jogam-se aos lobos para defenderem seu carrasco da morte. Se assim fizermos, morreremos só nós, os carneiros, e ainda seremos comidos pelo carrasco degustador de carcaças ideológicas.
Não existe direita nem esquerda; existe apenas a busca pelo poder. Que passe a existir então homens e mulheres, jovens e velhos, unidos num mesmo propósito; com o olhar na mesma direção e com a honra de tentar fazer do nosso País, o melhor País para se viver.
Não esqueçam que apesar de habitarmos cada um em uma residência, moramos todos na mesma casa que é esta tão maltratada pátria em verde e amarelo.
É hora de união e não de diversionismo.
Não pensem em quem só quer usar-nos como massa de manobra ou como degrau em busca de seus intentos espúrios; pense em sí, em seu familiar, em seu amigo, em seu próximo, em seus filhos e em seus netos.
Pense no futuro. Pense que cidadãos de bem não podem brigar entre sí por causa de ladravazes sorrateiros e de falso proceder.
Precisamos dar uma chance ao nosso País!
Precisamos dar uma chance à nós mesmos!!!!

Anônimo disse...

Quem pensa numa saída para dar uma chance á nós e ao nosso pais quem que apoiar Bolsonaro ou pedir que os Militares assumam o comando temporário do pais.