Arrecadação do ICMS gaúcho foi um fiasco em agosto

Foi um fiasco a arrecadação gaúcha do ICMS do mês de agosto. Os dados foram levantados há pouco pelo editor.

A arrecadação foi nominalmente 4,7% maior que a do mês anterior, mas em relação ao mesmo mês do ano anterior foi altamente negativa. Deve ser descontado que o mês de setembro do ano passado foi um ponto fora da curva, porque foi o mês de maior arrecadação em 2015.   

O crescimento nominal acumulado do ano, no entanto, está em 11,7% e real de 2,2% pelo iPCA, que é o índice de inflação oficial do País.

Na crise das dimensões atuais no País,  haver crescimento real da arrecadação pode ser considerado um vitória, o que se deve em grande parte ao aumento da alíquota do ICMS no RS.

6 comentários:

Anônimo disse...

O maior responsável por isso foi o "espetaculoso aumento" de 8,13% destinado aos servidores do Judiciário e que gerou um enorme impacto às finanças públicas (SQN).

Anônimo disse...

O aumento de icm's tirou em parte a vontade de crescer dos empresários.

Crescer só em outros estados.

Anônimo disse...

Se extinguir a FDRH e a CORAG, conseguirá economizar muito mais.

Anônimo disse...

ADEUS PMDB APOIO TEEMER ATE 2018 DEPOIS ADEUS PMDB

Anônimo disse...

Fiasco, assim como o governo do tiririca da serra e o governo do traira.

Seria bom que o tiririca extinguisse logo a FDRH e a CORAG para terceirizar de uma vez em favor da empresa do anonimo das 11:46.

Anônimo disse...

Esse resultado se explica pelo fato da empresa estatal CEEE estar com serias dificuldades financeiras e estar atrasando o pagamento de icms, cerca de R$ 70 milhões por mes.