Editorial, Zero Hora - O Rio Grande inadimplente

Charge disponibilizada no Google.

Estavam erradas as previsões de que a situação financeira do setor público gaúcho teria chegado ao limite do suportável para que o Estado continuasse funcionando. O governo não conseguiu evitar a deterioração das contas em 2015 e perdeu até mesmo a capacidade de pagar salários em dia. É assim que o limite do esgotamento financeiro vem sendo projetado sempre para o próximo mês, numa situação que antecipa um cenário ainda mais assustador para 2016.

Um governo que estima fechar o ano com déficit próximo de R$ 2,6 bilhões, que teve de induzir o funcionalismo a recorrer a empréstimos para receber o 13º salário, que promoveu aumento de impostos e antecipou receitas, sem conseguir os efeitos desejados, é literalmente um governo quebrado. 

(...)

É preciso tirar o Estado da falência, para que não se decrete a destruição de serviços básicos, com prejuízos que já são sentidos principalmente pelas camadas mais pobres da população. Mas não bastará reduzir o déficit ou, quem sabe, alcançar o milagre do superávit financeiro. Trata-se de alicerçar as bases de uma mudança que mexa com a cultura da acomodação e dê novo ânimo a um setor público também moralmente abalado.

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do material. 

12 comentários:

Anônimo disse...

Menos estado mais empreendedorismo!!!!

Menos empresas públicas, mais empresas privadas.

Menos gastos públicos mais exportações!!!!

Anônimo disse...

O ROTO FALANDO DO REMENDADO. UMA EMPRESA PELEGA, QUE SE VENDEU AO POPULISMO BARATO POR 30 DINHEIROS, E QUE ESTÁ A BEIRA DA FALENCIA, NÃO TEM MORAL, SEM ANTES LAVAR AS CUECAS, PARA FALAR DE CRISE NO NOSSO
RIO GRANDE... UNS GUAIPECAS QUE ANTES CATAVAM OS OSSOS NO LIXO PRA MATAR A FOME, SE ADONARAM DA CHAVE DO COFRE E RASPARAM TUDO, LEVANDO O ORGULHO E A VERGONHA DOS GAUCHOS HONESTOS, QUE SE BANDEARAM PRA SANTA CATARINA...SÓ FICARAM OS ACADELADOS, QUE MAMAM NAS TETAS DE VACAS SOLTAS E VOMITAM A PODRIDÃO DE SUAS FALAS PROS ESGOTOS DE OUTRAS PARAGENS...ACORDA RIO GRANDE, LEVANTA E PELEIA, QUE OS COVARDES JÁ ESTÃO SE BORRANDO, VENDO QUE OS MACHOS AINDA TEM CULHÕES NESTA TERRA...

Anônimo disse...

Isto decorre do SOCIALISMO ou do CAPITALISMO? Resposta: Isto decorre dum MERCANTILISMO, cultura portuguesa desde os tempos das Capitanias Hereditárias, vigente.

Tivesse o Poder Moderador permanecido, não retirado por um representante das Capitanias Hereditárias em 1889, tudo relacionado pelo anônimo das 15:01 estaria vigente: Empreendedorismo, mínimo de empresas estatais e exportações de manufaturados, Brasil seria o equivalente aos EUA. A "republica" criou reizinhos, falsos salvadores da Pátria.

Anônimo disse...

Ouvindo e vendo pela TV camara ontem os calhordas e cínicos deputados da vanguarda do atraso se manifestar da raiva. Toda a preocupação com os apaniguados, sindicalistas canalhas e funcionários que não fazem nada nas empresas publicas falidas. E o povo que os elegeu? que paga seus salários nababescos? Uma banana. Estou chegando a uma conclusão; só uma revolução, mas desta vez vai ter paredão.
Joel
Voce vai pagar o IPTU e o IPVA adiantado? Se vai, não se queixe.

Anônimo disse...

"dê novo ânimo a um setor público também moralmente abalado"
Chega a ser piada falar em ânimo no serviço público depois de todos os ataques sofridos e depois que a própria sociedade vira as costas para àqueles que a protegem... Se a própria sociedade vê policiais como fardos a serem carregados e não como investimento ou como heróis que dão suas vidas em nome da população , que a sociedade fique por conta própria então... virem-se... cada um por si...
Aliás, os pseudo-liberais deveriam, de fato, adotar o sistema americano, com Estado mais enxuto. Nisso eu concordo. Só que estes pseudo-neoliberais, que nunca passaram do prefácio de obras clássicas de John Locke, Adam Smith, David Hume, deveriam saber que lá, professores são considerados mestres e policiais heróis por uma razão muito mais teórica e filosófica.
E sim, se é verdade que os esquerdopatas brasileiros não sabem ou não leram Marx (e isso é verdade), os pseudo-neoliberais nunca estudaram os grandes filósofos e teóricos do tema. São, ambos os lados, IGNORANTES sobre o tema que falam!!!
Desafio o Governador, que se diz formado em filosofia, e Deputados que representam esses pseudo-liberais (como o Deputado Marcel Van Hattem) a uma discussão teórica sobre algumas obras desses filósofos... não durariam dois minutos numa discussão séria... então vão estudar...

Anônimo disse...

Menos Estado, como sugerido, seremos igualzinho a Siria atual. Eh isso mesmo o que voces querem?

Anônimo disse...

Corrigindo texto acima:

Isto decorre do SOCIALISMO ou do CAPITALISMO? Resposta: Isto decorre dum MERCANTILISMO, cultura portuguesa desde os tempos das Capitanias Hereditárias.

Tivesse o Poder Moderador permanecido, retirado por um representante das Capitanias Hereditárias em 1889, tudo relacionado pelo anônimo das 15:01 estaria vigente: Empreendedorismo, mínimo de empresas estatais e exportações de manufaturados, Brasil seria o equivalente aos EUA. A "republica" criou reizinhos, falsos salvadores da Pátria.

Anônimo disse...

a ÚNICA SAIDA PRA O ESTADO É EM 2018, OU AGORA MESMO COM O IMPEACHMENT DO SARTORI, É ELEGER OUTRA VEZ O OLÍVIO DUTRA OU TRAZER DE VOLTA O TARSO GENRO, UM MAGO DAS FINANÇAS PÚBLICAS, QUE PAGOU OS SALÁRIOS EM DIA E AINDA DEU AUMENTOS ENORMES AOS FUNCIONÁRIOS. TAMBÉM CONHECIDO COMO MANDRAKE, LEMBRAM DO MÁGICO MANDRAKE. ISSO É COISA DE VELHO...!!!

Anônimo disse...

Temo quebrado!!
Com o eleitor de hoje, altamente politizado... esperavam o quê?

Anônimo disse...

Cadê a renegociação da dívida que tanto o Tarso dizia?Cansei de dizer nste espaço que o desgoverno fedemal estava quebrado e não iria negociar . Estão sugando a seiva sa pátria.

Anônimo disse...

Numa hora dessas, onde anda o comunista de carteirinha Tarso...

Anônimo disse...

O que quebrou o estado não foram as concessões !

Foi a negligência e a complacência com os devedores e sua dívida ativa judicial mofando e prescrevendo nos escaninhos.

Uma CPI para apurar as causas seria bem-vinda !

São 40 bilhões "cara pálida" !!