Artigo, Fábio Jacques -Ceeeeeelso!!!

Saulo Ramos, padrinho da nomeação de Celso de Mello para ministro do STF por José Sarney, qualificou-o como um ministro escatológico, no sentido orgânico do termo. Não melhorou nada.

Hoje, mesmo continuando fazendo jus ao epíteto exarado pelo Saulo Ramos, também parece querer se tornar escatológico no sentido cronológico.
Para facilitar, coloco aqui as definições de escatológico:
Significado de Escatológico:
1. adjetivo
Que se pode referir à escatologia; que tem relação com o tratado sobre os excrementos; coprológico.
2. adjetivo
Que faz referência à escatologia; que está relacionado com a doutrina das coisas que podem acontecer no final dos tempos.
Em fevereiro, referindo-se ao presidente da república, Celso de Mello disse que Bolsonaro “demonstra uma visão indigna de quem não está à altura do altíssimo cargo que exerce”.
Quem é Celso de Mello para dizer quem é digno do cargo de presidente? Lula, Dilma, FHC, Collor, Itamar ou até mesmo José Sarney? Falou alguma coisa sobre qualquer um destes luminares da administração federal?

CLIQUE AQUI para ler mais.

9 comentários:

Ariel disse...

ESSE EXCREMENTO TERÁ A SUA VEZ; SAULO RAMOS IRÁ \Á PRESENÇA DO SENHOR PARA LEMBRÁ-LO DE QUE A HORA DELE CHEGOU....

Anônimo disse...

Se em Tatuí (SP) AINDA não existe um logradouro- de preferência num dos locais mais horríveis, mais escabrosos, irrecuperáveis, terríveis, rejeitados por toda a população da cidadela, inservivel até como " para lixão reciclável", homenageando o escatológico elemento que viveu morrerá para fazer a vergonha de seus cidadãos!Avante, TATUÍ, nunca é tarde para reparar uma injustiça, nominem o local mais inservivel e funesto da terrinha como "PARADEIRO JUIZ DE MERDA"!

Anônimo disse...

Então deve ser por isso que o chamam de um juiz de merda?
1. adjetivo
• Que se pode referir à escatologia; que tem relação com o tratado sobre os excrementos; coprológico.

Anônimo disse...


Sem dúvida nenhuma, bosta é bosta, merda é merda.
Ressalvadas as opiniões em contrário.
E salvo melhor juízo.
Ou vice-versa.

Anônimo disse...


Políbio, ad referendum

Sem dúvida nenhuma, bosta é bosta, merda é merda.
Ressalvadas as opiniões em contrário.
E salvo melhor juízo.
Ou vice-versa.

uchoa930 disse...

O editor insiste em postar artigos no pano de fundo poluído, dificultando a leitura.

Mardição disse...

Nenhum cocô como Celso de Mello está a altura de um cargo no STF.

Anônimo disse...

Tchau Celso! JA VAI TARDE, mas antes agradeça a Lula e Dilma pois do contrário já estaria ainda por lá.

A propósito, retribuístes Lula com o benefício de não prisão.

Chico Valente disse...

Já tinha escutado histórias desabonadoras sobre o Sr. Celso de Melo, geradoras de desconfiança no Doutor Saulo Ramos, seu Brilhante Padrinho, de quem era secretário.
Pude observa-lo melhor quando dos julgamentos do mensalão, seus votos chamavam atenção peas longas, enfadonhas e cansativas CITAÇÕES de livros e de autores.
O cidadão, cercado de livros, em sua falação montava uma colcha de retalhos na tentativa de mostrar erudição quando o objetivo era mostrar voto com inteligência, coisa que nunca demonstrou. No seu terceiro voto já foi possível verificar a farsa.
Como ministro da Suprema Corte deixa muito a desejar, parecendo estar mais para um medíocre leitor que muito quer ler e pouco entende.
Muito triste para o Brasil.