Em algumas cidades gaúchas, agências lotéricas e farmácias poderão vender passagens intermunicipais


As primeiras licitações foram abertas mês passado, com a publicação de editais para estações rodoviárias em cinco municípios: Taquara, Arroio do Meio (já possui empresa habilitada), Arroio Grande, Rio Pardo e São Jerônimo.  

As demais concorrências terão as propostas conhecidas até o final de junho. 

Ainda em 2019, o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER) pretende lançar 200 editais de licitação para estações e agências rodoviárias. Também serão licitados 75 contratos de renovação para concessões de rodoviária. Em municípios não contemplados com estações, a autarquia abrirá 113 agências rodoviárias que funcionarão em estabelecimentos como lojas, lotéricas e farmácias (compra de passagens e despacho de encomendas). 

Um comentário:

Anônimo disse...

Essas agências deveriam ser feitas pelo consórcio de empresas de ônibus que exploram o povo, não pelo estado, nem os pontos de embarque ao longo do trajeto eles fazem, governo paternalista PQP.