Prefeitura da Capital monitora locais e serviços afetados pelos grevistas


O Centro Integrado de Comando de Porto Alegre (Ceic) está direcionado à análise de ações através de câmeras instaladas em diversas regiões da cidade. 

Serviços municipais receberam acréscimo de patrulhamento da Guarda Municipal, com reforço às demais guarnições em áreas críticas. A Ronda Ostensiva Municipal (Romu) está em alerta para a necessidade de intervenção.

Até o momento, serviços de abastecimento e limpeza urbana não foram prejudicados, mas a Secretaria da Cultura cancelou espetáculos Sala Álvaro Moreyra. Também estão canceladas as programações nas Pinacotecas Ruben Berta e Aldo Locatelli. O expediente interno segue normal.

CLIQUE AQUI e saiba em detalhes como a Prefeitura operacionaliza o serviço.

6 comentários:

Anônimo disse...

Políbio! Poderia tirar a foto da Dilma da tela do teu Blog? Faz mais de um mês que está exposta. Nos poupe!

Anônimo disse...

TEM QUE DEMITIR TODOS GREVISTAS.

Anônimo disse...


Pode ter filme ou foto do servidor posto de confiança na frente da Prefeitura Protestando que o corporativismo deixa prescrever o processo que deveria gerar o Inquérito Administrativo. Os processo da greve de 2017 da SMPG tudo parado.

Anônimo disse...


Tem Decreto do Prefeito Marchezan que manda demitir os postos de confiança que participaram de Greves.

Então como é possível uma denuncia que tem foto mostrando Chefias/Coordenadores na frente do paço na greve de 2017 e este pessoal ainda não foi exonerado. É um processo que não demora nem 5 minutos para visualizar que as provas são verdadeiras porque as fotos são do site do próprio SIMPA.

Anônimo disse...


O presidente disse que "governo é assim, não pode ter gente suspeita" em cargos importantes. Ameaçou demitir Joaquim Levy se continuasse mantendo um Petista no cargo.

Então Prefeito a ideia é simples e o Gestor que insistir em encobrir o processo de sindicância do Grevista é demitido junto.

Anônimo disse...



Muito bom este Bolsonaro.

Joaquim Levy se demitiu...