Enquanto isso, deputados cariocas "querem" inviabilizar os modais elétricos de transporte individual


A lei foi votada em regime de urgência. Prevê a obrigação do usuário realizar uma prova, que poderá ser online, sobre conhecimentos básicos de trânsito. Segundo o texto, a pessoa precisará entrar no site do Detran e se inscrever para o teste. Se aprovado, gerará um número vinculado ao CPF e isso deve ser informado durante o cadastro junto à empresa de aluguel do transporte. Quem já possui a CNH não fará a prova.

Outro ponto polêmico é a necessidade de seguro pessoal ao condutor. Caso não possua, a empresa precisará cobrar um depósito antecipado de R$ 1710. Se sancionado, o monstrengo permite a circulação de patinetes pelos passeios públicos. Bicicletas elétricas, ao contrário, continuam impedidas de dividir o espaço com pedestres. 

Witzel terá 15 dias para sancionar ou vetar o texto. Analistas que leram o projeto afirmam que é inviável, inconstitucional e prevê regras limitadoras que inviabilizam o modal elétrico de transporte individual.

9 comentários:

Anônimo disse...

agora estão inventando o pula-pula como "meio de transporte"...

qual é o problema que esse pessoalzinho descolado dessas empresas que so produzem velharias travestidas de novidade tem em deixar o cidadão ANDAR A PÉ???

se para uma porcaria de um patinete querem teste no DETRAN, para uma porcaria de um pula-pula vão exigir brevê de piloto?

Anônimo disse...

Se continuar nesse ritmo, pedestres não terão mais por onde caminhar.

Anônimo disse...

Os mesmos corruptos empresários de transportes coletivos já estão molhando as mãos dos deputados estaduais do Estado do Rio de Janeiro... E esse governador também é um bocado "esquisito", "estranho", "tranqueira"...

Anônimo disse...

se não paga imposto e não gerar propina, então eles vão derrubar esta alternativa de transporte...

Anônimo disse...

Comportamento default dos agentes do estado: Como posso lhe atrapalhar hoje?

Certamente as empresas se recusaram a pagar bola para os excrementíssimos.

Anônimo disse...

No brasil tem que ser impedido mesmo, as pessoas não tem o minimo de educação ou noção, basta ver diversos atropelamentos de idosos em porto alegre desde a invasão do espaço dos pedestres por esses patinetes malucos.
Eu acho interessante que a legislação do brasil nao serve para nada, pois ate para moto de baixa cilindrada exige cnh, agora para por um negocio perigoso desses ate para criança usar, causar acidentes, invadir o já reduzido espaço do pedreste, pode.

Aqui em porto alegre onde vale só a lei da selva, se tu não esta sobre 4 ou 2 rodas, tu vale menos que lixo, porque dos latões de lixo pelo menos eles desviam.

Anônimo disse...

Ridiculo o governo sempre atrapalhando.
É um atraso esses deputados, cruz credo

Anônimo disse...

O Brasil é uma piada e o Rio de Jeneiro é absolutamente ridiculo.

Anônimo disse...

Pessoal não consegue aceitar o livre arbítrio.