Empresário industrial continua confiante com economia e negócios

O empresário industrial continua confiante na economia e nos negócios, segundo o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI), divulgado nesta quarta-feira pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

O indicador permaneceu praticamente estável em março, na comparação com fevereiro, com leve alta de 58,8 pontos para 59 pontos, mostrando, segundo a CNI, que "o empresário segue com a confiança elevada, avalia positivamente as condições correntes de seus negócios e permanece com expectativas positivas para os próximos seis meses".

Esse índice é o mesmo verificado em janeiro, quando a confiança chegou ao maior patamar em quase sete anos. Os indicadores da pesquisa variam de zero a 100 pontos e índices acima de 50 pontos demonstram confiança dos empresários.

3 comentários:

Anônimo disse...

Meu prezado Polibio, ontem lendo a coluna do também prezado Gilberto Simões Pires, no seu PontoCritico, concordo que um sinal amarelo foi aceso quanto a um drástico cenário de retorno da recessão no Brasil, diante das reformas estruturais que não saíram do papel! Veremos!

Anônimo disse...

Menos governo e mais mercado para redução custo Brasil. Governo caro, inchado, cheio de privilégios e fora de controle consome recursos importantes para a infraestrutura, segurança. Urgente inverter a pirâmide, pois o governo por si só não é nada, só despesa.

Anônimo disse...

Se estão confiantes porque não voltam a contratar?
Disseram que era só aprovar a Legislação Trabalhista que dezenas, centenas de milhARES de pessoas seriam contratadas.

Mentirosos!