Polícia apura envio de carta com fezes para Rodrigo Maia.

A Agência Brasil informou esta tarde que o Departamento de Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados abriu investigação para apurar o envio recente de um envelope com fezes ao gabinete do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

A correspondência chegou ao gabinete parlamentar de Maia, que fica no Anexo 4 do Congresso Nacional, em Brasília. Por ser atualmente presidente da Câmara, Maia ocupa um gabinete no prédio principal da Casa e pouco frequenta o antigo escritório. 

O envelope foi "interceptado" antes de ser encaminhado ao destinatário.