Indústria pode entrar em colapso diante de selvagem paralisação das alfândegas

O próprio secretário da Receita Federal, Simão Rachid, em carta ao seu pessoal, avisou que "o navio corre o risco de naufragar". Não se sabe a que navio ele se refere: ao da Receita Federal ou do próprio governo Temer.

Importadores e exportadores - os empresários - não conseguem êxito nas seguidas tentativas que buscam proteção jurisdicional para que sejam liberados insumos e produtos retidos nas alfândegas. Além da greve dos auditores fiscais, as restrições alfandegárias cresceram dramaticamente de tamanho esta semana,  porque em todo o país os delegados, inspetores e substitutos das Delegacias Regionais resolveram abandonar os cargos. No RS, foram 26 afastamentos.

O´protesto é contra a lentidão do governo Temer de cumprir o acordo fechado em março pela presidente cassada Dilma Roussef, que acertou um aumento de 21,3% para a categoria.

A indústria que trabalha com insumos estrangeiros está parando.

É o caso de filiados da ACI de Novo Hamburgo, que já ajuizou Mandados de Segurança em Uruguaiana, Rio Grande e Porto Aelgre (Aeroporto), mas teve rejeitados seus pedidos de liminares.

A ACI está perplexa com o modo articulado com que vem sofrendo derrotas na Justiça Federal.

13 comentários:

Unknown disse...

ISTO É TRAIÇÃO À NAÇÃO!!!
PÁRIAS!!!
QUE SE REVISE ESTA LEI RETRÓGRADA DE GREVE COM SUAS PARALISAÇÕES QUE SÓ PUNEM A SOCIEDADE ATIVA!!!
BRASIL: IMPÉRIO DOS PELEGOS E DOS CARIMBOS!!!

Unknown disse...

Corporativismo Explícito... as corporações se protegem... e nós pagamos a conta!!!

Anônimo disse...

Como diria o Julio K:
Tá ruim? Vai piorar...
A questão é para quem...

Anônimo disse...

é poder demais para estes caras da Receita federal.
Quem gera os recursos para pagar os salários destes FDP, é quem sofre
com estes "pobres assalariados".
uma vergonha !!

Mordaz disse...

Pois é. E gente preocupado com cinquenta abobados que invadiram a câmara de deputados em Brasília. Mais um desastre da constituição de 88: Estabilidade e direito a greve ao mesmo tempo.

Anônimo disse...

Estas 'autoridades' não estão vendo as nuvens de tempestade se aproximando? Depois não adianta chorar a perda dos carguinhos...

Anônimo disse...

Parem de pagar impostos.. o pais NÃO PODE SER REFÉM DE FUNCIONARIOS PUBLICOS.. Gobierno de m....

Anônimo disse...

esta e' a longa mao da revoluçao

Anônimo disse...

vcs gados nao se tocaram ainda? os sindicatos sao o proprio PT, vcs sao idiotas, todos vcs morrerão nas maos de criminosos, pq nao se tyocaram ainda, as gangues sao o proprio PT, vcs sao imbecis, vcs gados, barzilheiros

Anônimo disse...

FÁCIL, SÓ ESCOAR PRÓ URUGUAY, ESPERA NA ALFANDEGA DE LÁ E ENTRA DIRETO NO PORTO DE MONTEVIDEO. TCHAU FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS!!!!!!!!!!!!!

Jean Valente disse...

Tem muita gente que precisava manusear o guatambu de sol a sol, pelo menos por um mês.

Unknown disse...

Vamos acabar com a estabilidade de funcionários públicos já! Demite e contrata novos!!!!

Anônimo disse...

Eu posso fazer greve e não pagar 78%+ % do fiscal de imposto de importação?