Análise - Sinais vitais da indústria melhoram e animam esperança de retomada do crescimento econômico

A equipe de economistas do Bradesco faz análise otimista sobre a retomada do crescimento econômico para futuro bem próximo, tudo isto ao analisar os números da produção industrial no último trimestre. O editor recebeu a análise esta manhã. Leia:

Após a surpresa positiva com o resultado do PIB do primeiro trimestre, os dados da PIM de abril reforçam nossa expectativa de estabilização da economia no segundo trimestre. Os sinais começaram a aparecer de forma mais consistente desde fevereiro e março deste ano. Inicialmente, os indicadores que apontavam para estabilização refletiam em grande parte a melhora dos preços de ativos (fechamento da curva de juros, queda do risco país, apreciação cambial, etc). De lá para cá, houve uma ampliação do conjunto desses indicadores, agora menos correlacionados com os preços de ativos e mais com a economia real, como consumo de energia, fluxo pedagiado de veículos e produção de cimento. Ainda  assim, acreditamos em nova queda da produção industrial em 2016. Vale ainda lembrar que as sondagens da CNI e da FGV têm mostrado forte melhora da confiança nos últimos meses, bem como redução dos níveis de estoques, contribuindo para a retração menos intensa da atividade industrial neste ano.

CLIQUE AQUI para ler toda a análise dos números.

2 comentários:

Anônimo disse...

imprensa tentando criar expectativas otimistas.

Anônimo disse...

Estamos arrumando a economia para quando o Lula voltar em 2018 poder roubar mais .
Repito : se nao prendermos os filhos do Lula , o Lulupetismo voltara atraves dos seus filhos .