Pesquisa VOTO com Methodus mostra que Ana Amélia (42,4%) esmaga Tarso (31%) no RS

A revista Voto divulgou ainda há pouco no seu site o resultado da pesquisa ralizada de 08 a 13 de agosto de 2014 no Rio Grande do Sul pelo Instituto Methodus. A pesquisa investigou o eleitorado gaúcho em 25 cidades com uma amostra de 1.500 entrevistas. Está registrada no TSE sob o número RS-00010/2014. A margem de erro é de 2,5 pontos percentuais para cima ou para baixo.

. Há um mês, Methodus fez pesquisa para a Record, que foi engavetada pela rede.

1o Turno
Ana Amélia, PP - 42,4%
Tarso Genro, PT - 31%
José Ivo Sartori, PMDB - 5,90%
Vieira da Cunha, PDT - 4,1%

2o Turno
Ana Amélia, 52,1%

Tarso - 36,4%

10 comentários:

Anônimo disse...

Este instituto é o mrsmo que botava o Rigotto em terceiro e ele goi eleito governador vai te preparando Sartori.

Anônimo disse...

Ainda bem, mesmo com a Ana Amélia, será melhor do que ter este factoide novamente como governador. FORA TARSO GENRO. VAI FAZENDO TUA MALA, PORQUE EM 4 MESES ESTARÁS FORA DO RGS.

Anônimo disse...

Ta na hora do Tarso ir para Cuba e ficar por lá.
Chega desse Stalin guasca.
Gostaria de saber se ele,se tivesse cancer,usaria esses tratamentos a base de veneno de escorpião importado de Cuba.
O Lula usou???

Anônimo disse...

ADEUS CAUDILHO FAJUTO. O POVO NÃO SE DEIXA ENGANAR. PODE TRAZER 1.000 BRIGADIANOS PARA POA, AGORA É TARDE DEMAIS. NÃO FEZ O QUE DEVIA EM QUATRO ANOS. A MAIORIA DO POVO GAÚCHO SABE BEM EM QUEM CONFIAR.

Anônimo disse...

Chega de esquerdalha no RS, chega dessa tropa de incompetentes nos atrasando.

Anônimo disse...

Por favor gaúchos:
Votem na Ana amélia. A RBS precisa demais ganhar esta eleição.

Anônimo disse...

É Ana Amélia com 50% e liquidando a parada no primeiro turno!!!
Chega deste incompetente!

Anônimo disse...

Se Esmaga Tarso, o que sobra para o Sartori e o Viera da Cunha?

Anônimo disse...

Independente das qualidades (ou não ) da Ana Amélia, o atual governante já mostrou que não sabe governar, passeou como ninguém (algum correligionário seu poderia vir explicar esses grandes passeios?) e não aplicou um mínimo de gestão na máquina pública, quando o estado precisa desesperadamente disso. Ficou BRINCANDO de governador-estadista (não foi nem uma coisa nem outra) nos momentos de crise. Como não tinha (e não tem) capacidade de encontrar um rumo administrativo, assumiu a pose de "isso não é de minha alçada". Está nessa posição secundária na campanha por exclusivo demérito próprio, quase como uma criança no parquinho que a funcionária vem e diz "Tá mocinho, você já brincou bastante, agora dá lugar para outro"

RoyMustang disse...

A pergunta q fica: Como Tarso ainda tem 31%????