Balança comercial: Déficit pode chegar a US$2 bilhões

A queda das exportações e o crescimento das importações, principalmente de petróleo e derivados, levaram a Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB) a mudar drasticamente sua estimativa de resultado para a balança comercial brasileira em 2013.

. A entidade, que em dezembro de 2012 previa um superávit de US$ 14,620 bilhões para este ano, agora aposta num déficit de US$ 2,008 bilhões. O Brasil não tem déficit comercial desde o ano 2000, quando as importações superaram as exportações em US$ 732 milhões.

3 comentários:

Anônimo disse...

E VAI AUMENTAR MAIS, AGUARDEM...PT NO VOLANTE PERIGO CONSTANTE.

Biriva do Cerro do Tigre disse...

Quem está balançando é o Guido Mantega!!Já há muitos petralhas sugerindo a troca do ministro.

O estoque de bondades acabou e agora vai começar a bater as promissórias em dólares, e a divida externa está crescendo assustadoramente e está em U$ 325 bilhões e as reserva cambiais em U$ 374 bilhões, perigosamente corre risco da dívida externa encostar nas reserva cambiais.

O FMI vem alertando sobre isso, mas a turma da marola, diz que isso é bobagem. O Bacen torou 22 bilhões de dólares para segurar a valorização do dólar.

Como muitas matérias primas são importadas isso vai aumentar a inflação, só não vê quem não quer.

Anônimo disse...

Daqui a pouco o alquimista do ministerio da fazenda - aquele da DS do Raul Pont - entra em ação e transforma tudo em superavit.