Monumento ao comunista Marighella foi vandalizado em São Paulo0

Um monumento que homenageia o guerrilheiro comunista Carlos Marighella amanheceu coberto de tinta vermelha nesta sexta-feira, no elegante bairro dos Jardins, em São Paulo. O local é onde o comunista foi abatido a tiros durante os enfrentamentos armados que manteve com o governo militar.

A pedra em homenagem a Marighella foi instalada em 1999, ano que marcou o trigésimo aniversário de sua morte

10 comentários:

Anônimo disse...

Bah q coisa. A esquerdalha comunista não vai gostar. Afinal era um comunista assassino q queria libertar o povo IMPLANTANDO A DEMOCRACIA CUBANA kkkkk olha q maravilhosa atitude kkkkkk

Anônimo disse...

EU EXPLODIRIA ESSE TERRORISTA.

Anônimo disse...

E na escadaria mariela franco também tinta vermelha, e ainda escreveram viva Borba Gato! Começaram, né? Não deveriam mexer com quem sempre esteve quieto.

Anônimo disse...

Quando puseram fogo na estátua disseram que foi para “abrir um diálogo”. Então tá, vamos “dialogar” sim! Ou pensam que diálogo é só eles falam e a gente só escuta? Tá chegando a hora, realmente, de batermos um papinho, trocarmos uma ideia…

Anônimo disse...

Quando puseram fogo na estátua disseram que foi para “abrir um diálogo”. Então tá, vamos “dialogar” sim! Ou pensam que diálogo é só eles falam e a gente só escuta? Tá chegando a hora, realmente, de batermos um papinho, trocarmos uma ideia…

Selminha Rocha disse...

Pau que dá em Chico tem que dar em Francisco tbm!!

Anônimo disse...

Vergonha.

Almanakut Notícias - São Paulo - Brasil disse...

NO TEMPO DO REGIME MILITAR, A DITADURINHA DE MERDA, A SSP-SP E O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA NÃO DEMORARIAM TANTO PARA ENVIAR PEÇONHENTOS PARA PRESÍDIOS FEDERAIS, COMO FIZERAM AS GESTÕES DO CAPA PRETA QUE A TUCANALHA COLOCOU NO PODER COM CHEIRO DE ENXOFRE.

E MUITOS MELIANTES TUCANOS FIZERAM NAS DÉCADAS DE 1960 E 1970, O.QUE AS FACÇÕES CRIMINOSAS VEM FAZENDO DE 1994 PARA CÁ.

Anônimo disse...


TODO O CASTIGO PARA COMUNISTA É POUCO !!!

Anônimo disse...


O editor também foi um subversivo no regime militar, sendo inclusive preso?