Sérgio Moro pede, mas juiz de Curitiba nega censura ao canal Terça Livre TV

O juiz da 10ª vara cível de Curitiba (PR), Pedro Ivo Lins Moreira, negou, sexta-feira, o pedido em tutela de urgência feito pelo ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, onde requeria a remoção de um vídeo do Boletim da Noite, no canal Terça Livre TV.

Na petição, o ex-juiz pedia a remoção do conteúdo e o sigilo do processo, onde questiona um trecho do vídeo de aproximadamente cinco minutos em que Fernando Melo tece uma análise sobre as declarações do Procurador Geral da República (PGR), Augusto Aras, noticiadas pela imprensa no dia anterior.

O ex ministro questiona um trecho do vídeo de aproximadamente cinco minutos em que Fernando Melo tece análise sobre as declarações do Procurador Geral da República (PGR), Augusto Aras, noticiadas pela imprensa no dia anterior.

CLIQUE na imagem a seguir para saber como é que o canal Terça Livre TV analisou o pedido feito por Moro:

7 comentários:

Anônimo disse...

O Moro foi Juiz ou ele sempre foi o político que está se mostrando?Deveria conhecer as Leis e não ficar atirando a esmo.

Luiz disse...

Vaquinha na Internet faz milagres, não Políbio...???

Anônimo disse...


O Moro sem máscara tem tem aquela cara de esquerda que a direita já conhece muito bem.

Anônimo disse...



O Moro foi demitido e continua aí ... se metendo em tudo e dando pitaco ...

Data venia excelência ... vamos agora tratar de voltar ao basquete 🏀 ...

Os boletos não param ...

Contribuição previdenciária pro INSS também ...

ZAPELINO B disse...

E dizer que estes vagabundos, no começo do governo do Bozo, eram só elogios para o MORO.
Agora, nem mesmo depois de terem levado um pé na bunda, não perderam a cisma!!!

Anônimo disse...

Entra quem quer e faz quem pode. Será que quem reclama tem o cotovelinho esquerdo meio dolorido?

Anônimo disse...

Vi que tem esquerdóides tendo tilts cerebrais intensos por perceber que a " direita" execra o maior engodo dos últimos 20 anos por motivos óbvios....tisc tudo...tisc..