Quase metade da população opõe-se à cloroquina e aceita o genocídio implícito da campanha nacional contra o remédio que cura

Quase metade da população aceita o genocídio implícito da campanha nacional feita contra o remédio que cura, colocado de lado por medicamentos sobre os quais ninguém sabe sequer os nomes.

O Instituto Paraná Pesquisas acaba de enviar ao editor o resultado da pesquisa de opinião pública que fez em todo o Brasil para saber o que a população pensa sobre o uso da cloroquina no tratamento do vírus chinês.

A pergunta é pessoal:

- Caso o senhor pegasse o coronavírus, tomaria cloroquina e hidroxocloroquina ?

As respostas:

Sim, 50,4%
Não, 44,7%
Não sabem ou não opinam, 4,3%

A impressionante soma de respostas negativas revela o tamanho do desserviço prestado pela mídia tradicional e por toda a oposição comunista e fisiológica ao governo federal, o que inclui a maior parte dos governos estaduais e municipais.

47 comentários:

Anônimo disse...


Merchan do laboratório EMS?

Anônimo disse...

Um país que tem como referência cultural Anitta, Pablo Vittar, Felipe Netto...
Com este povinho Bunda, nos está garantido o 1º lugar em idiotismo e analfabetismo funcional.

Anônimo disse...

Falta de credibilidade do governo federal dá nisso.
Agora, o posto Ipiranga quer porque quer, RECRIAR A CPMF.
Cheio de ideias e estratégias esse "expert". Competente para enriquecer bancos e enfiar a mão no bolso do contribuinte.
Parabéns pelo ministério competente, CapEtão!

Anônimo disse...

Os q se dizem contra são os esquerdopatas q votaram no poste do lula, o andrade. Mas isto não quer dizer q não tomariam, vide o caso da RBS q faz campanha contra o remédio mas um dos seus donos o Nelson tomou, são todos canalhas mentiroso e criminosos
Zeno

Anônimo disse...

Só significa que parcela considerável da população MENTE.
Na hipótese de ( na pesquisa) não querem saber da cloroquina , mas na hora do pega pra capar ( na hora da falta de ar) DUVIDO que a grande maioria não queira saber das possibilidades de sucesso com o medicamento.

Anônimo disse...

O que dizer Editor? Que podemos esperar de um país onde as pessoas ainda se informam pela globo? Empresa que desde 1985(Sarney)vem chantageando os governos com escandalos para conseguir dinheiro.

Anônimo disse...

Polibio, cada um sabe de si, cada um responde por si. É como o caso da vacina chinesa, aquela “ by Doria”. Eu não tomo! Prefiro aguardar uma feita por inteira em um país decente. Não adianta, não confio, a China já me fez de palhaço uma vez, não vai fazer a segunda. Tudo é questão de convicção.

Anônimo disse...

Quais outros remédios existem que são indicados para o vírus chinês? Quase nenhum e há evidências feitas por alguns pesquisadores de que ela funciona no início da doença com doses dadas por médicos. Milhões de pessoas já usaram esta droga para combater a malária e todos ficaram contentes com os resultados, se os efeitos colaterais fossem tão terríveis nas doses prescritas por médicos ninguém usaria ela nos últimos 70 anos, portanto entre se entregar totalmente ao vírus e tentar pará-lo melhor com algo que oferece chances de melhora ou você quer esperar o que vai acontecer se não tomar?

Anônimo disse...

PODER DE DETURPAR INCRÍVEL

NINGUÉM É CONTRA A CLOROQUINA MAS CONTRA UM CRÁPULA DE UM PRESIDENTE GENOCIDA QUE QUER ESCONDER O PANDEMIA E SE ESCONDE COVARDEMENTE.
23 MINISTÉRIOS PARA QUE? NÃO TEM PLANO NÃO TEM NADA SÓ CONVERSA MOLE E BABOSEIRAS. E A SUÉCIA SAIU DOS BLOGUES?

E A NOVA ZELÂNDIA JÁ VIU COMO AGEM UM PRESIDENTE?

Anônimo disse...

Eles dizem não porque estão na boa.Quando estiverem entubadas pergunta para eles, se querem a cloroquina.Qual será a resposta? Gente hipócrita.

Anônimo disse...




O monstro sabe como fazer as pessoas adotarem a síndrome de Estocolmo. São os próprios que colocaram seus tentáculos para repetir à exaustão que os militares eram ditadores. É a ditadura através da repetição, repetição da mentira, ou seja, repetição do que lhes interessam que é escravizar a humanidade e não pode discordar, não, porque é rotulado de radical que é mais uma tática de obrigar a adotar a síndrome. To acreditando que os militares já adotaram essa síndrome também. O monstro é um ditador terrível e ninguém pode com ele, não. Só na bala. Ele é aquele monstro racista de um ego extremamente elevado que se utiliza, inclusive, de métodos nazistas, fascistas, comunistas e terroristas para fazer as pessoas se curvarem aos seus interesses é uma mistura de todas práticas que vem ao longo de muitos séculos. O monstro morre de medo do militares assumirem aqui de novo porque eles não querem seus planos interrompidos como foram 1964, e também, eles estão louquinhos por causa da Amazônia. Ah, e eles querem empurrar seus valores satânicos em nossa goela abaixo.
Esses tentáculos que ficam enchendo o saco dos militares, é a mando dele, do monstro.





José Corrêa disse...

Que esse povo assine a declaração a declaração recusando o tratamento!!!

E se morrer, morreu!!!

Anônimo disse...

Como disse BolsoLini ontem em sua live:
Vermifugo funciona melhor...

Anônimo disse...


Só esse laboratório e quem fabrica o medicamento? Mais nenhum ?

Anônimo disse...

Nunca se opuseram ao uso da hidroxicloroquina há décadas no tratamento da malária.

Murilo disse...

Rede Globo é genocida, junto com os governadores e prefeitos que foram contra o medicamento!

Anônimo disse...

Que se fodam.

Emmanuel disse...

Não dou o menor crédito à essa pesquisa: e digo mais: funciona e eu sei ....

Anônimo disse...

Alguém pode me explicar se, segundo o Globo, ovo faz bem ou faz mal à saúde atualmente?

Eduardo disse...

É simples de resolver esse trem.. A metade que acha certo utiliza, outra metade fala com padre e usa água benta...resolvido.

Anônimo disse...

Os que respondem não à questão formulada, assim o fazem porque não foram atingidos pelo coronavírus. A questão deverá ser refeita àqueles que se tornarem caso de coronavírus.

Paulo Borchio disse...

E quem vai preocupar com essa raça, Políbio? Se esses quase cinquenta por cento , o Brasil se transforma no melhor país do mundo para se morar e trabalhar. Então, nada de querer convenCE-LOS DO CONTRÁRIO. tEMOS QUE INCENTIVÁ-LOS a serem e continuarem estúpidos. A cada um que fizer o favor de morrer, prometo colocar uma vela acesa no buraco deles. Tá comigo ou contra migo?, kkkk.

Despetralhado disse...

Fazer o quê com os ignorantes?
14 anos de PT, esse é o resultado.

Anônimo disse...

Basta proibir o médico de aplicar o remédio, quando estiver morrendo de Covid! Pelo menos assim serão coerentes até o túmulo!!

Anônimo disse...

Não, 44,7%

tomariam, sim...

é muito facil ser machão em pesquisa...

mas quando comecarem os sintomas, correrão para o remédio...

é como os ateus, que desprezam a existencia de Deus...

é balançar o avião e o que disseram nas pesquisas vai rapidamente para o espaço...

Anônimo disse...

Esses idiotas mostram não saber ou, o mais provável, considerando se estar a lidar com mentirosos e, portanto, petistas, escondem o fato de se saber que quem vai para as selvas amazônicas, por exemplo, são obrigados a tomar os dois medicamentos até por anos a fio e nunca sentiram nada, ou seja, é apenas uma questão de lógica para se ver isso e, não, de sem-vergonhice e hipocrisia pois, na hora "H", certamente estes mesmos sem-vergonhas vão se arreganhar e implorar que lhes seja dado o remédio, embora, depois, como todo crápula, cretino, covarde e canalhas que são, venham se negar a fornecer a devida informação de que tomaram ou não o medicamento, mesmo que tal informação possa representar o salvamento de até milhões de vidas !

Anônimo disse...

Grande mídia e comunistas Unidos no genocídio dos brasileiros. O cidadão está amendrontada até para procurar um hospital. Terror e desinformação.

Anônimo disse...

Petralhas e grande midia Unidos pelo genocídio.

elianemoura disse...

Mentira! Meu marido tem uns 20 amigos, todos com mais de 50 anos, que compraram a HC assim que começaram a falar dela.
Moro em Itaipava, bairro de Petrópolis RJ e aqui ninguém pegou o vírus, ninguém morreu, mas a palhaçada da quarentena continua.

Delcio Tonin disse...

Mas os 600,00 ninguém abre mão, esperem que a conta vem.

Anônimo disse...

Eu nunca vi UM medico perguntar ao paciente se ele quer tomar o remedio, ele preescreve e prontp. Não quer tomar problema é teu, desde quando o povo tem qualificaçao técnica para dar um parecer .kkkkksó ppde ser piada. O meu vô disse que não vai tomar porque é nocivo, ele fez um curso na globo kkkk fundaçao doria

Anônimo disse...

Os esquerdalhas podem e devem recusar a cloroquina. Ficaremos melhor.

Anônimo disse...

Exatamente a porcentagem que votou no poste.

Anônimo disse...

Cada um que sabe da sua vida, quem não quiser, paciencia, aqueles que quiserem não pode ser negado, simples.

José Corrêa disse...

O #gaadoPTba Anônimo das 10:43 vê um crápula todo do dia quando se olha no espelho!!!

Anônimo disse...

POLIBIO ENÇLOUQUECEU? 50,4 POR CENTO DISSE QUE TOMARIA QUE É A FAVOR!
POLIBIO ENÇLOUQUECEU? 50,4 POR CENTO DISSE QUE TOMARIA QUE É A FAVOR!
POLIBIO ENÇLOUQUECEU? 50,4 POR CENTO DISSE QUE TOMARIA QUE É A FAVOR!
POLIBIO ENÇLOUQUECEU? 50,4 POR CENTO DISSE QUE TOMARIA QUE É A FAVOR!
POLIBIO ENÇLOUQUECEU? 50,4 POR CENTO DISSE QUE TOMARIA QUE É A FAVOR!
POLIBIO ENÇLOUQUECEU? 50,4 POR CENTO DISSE QUE TOMARIA QUE É A FAVOR!

DAR MANCHETE PARA OS PETISTAS Não é possivel!

POLIBIO, "PRESTA ATENÇÃO NO SERVIÇO"!

Anônimo disse...

No texto o Instituto Paraná fala em uso da cloroquina e a caixa do remédio na foto é de Hidroxicloroquina outro remédio.Recomenda-se o uso do Hidroxidocloroquina para o Coronavirus e não da Cloroquina.Há uma grande confusão nas informações do Jornalismo brasileiro que não conseguem saber e informar a diferença.

Enzo disse...

Brasil acabou faz tempo e ninguém notou...pobre não pia, rico viaja e classe média covarde é pró-esquerdalha.

Anônimo disse...

Pergunta a ciência, digo a um médico cientista que está fazendo pesquisa no meio da mata Amazônica e que está a dois dias de barco de uma cidade que tem soro antiofidico, se esse médico for picado por uma cobra venenosa, os indios falam para ele, vai ao Pagé que ele cura, tem o remédio para isso, esse médicocientista vai ao Pagé ou prefere viajar 2 dias de barco?Exitem N casos que o cidadão tem que sair da burocracia padrão para resolver certos problemas. Um cadiologista em Coritiba salvou um paviente com a cola superbond para conter uma hemorragia.

Anônimo disse...

Dipirona

Anônimo disse...

Naldecon

Anônimo disse...

Xarope de Guaco

Anônimo disse...

É porque a voz do mal grita, enquanto a voz do bem sussurra, isso quando não se cala. Tem uma outra voz lá na OMS, leia-se ciência, ciência é ciência - mais uma falando besteira em alto em bom som, que o Brasil, embora em plena pandemia, não tem seu sistema de saúde colapsado, ou seja, não está tão mal, já que a maioria dos estados está com menos de 80% de leitos ocupados. Mas esse da ciência, ciência, ciência sabe que entre duas capitais, com distância de 400 quilômetros uma da outra, tem uma diferença absurda no número de mortos, já descontado o número de habitantes e isso deveria ser investigado? Esse da ciência, ciência, ciência, sabe que o Brasil, país de governantes corruptos até as tripas, pode, nas pessoas de governadores e prefeitos, ter comprado respiradores e EPI muito além do necessário para se beneficiar, é pago muito caro por eles? Esse da ciência, ciência, ciência sabe quantos estão sendo investigados pelo mesmo fato? Não esquecendo, em última instância, que ele mesmo pertence a uma organização de ciência, ciência, ciência, aquela que ocultou a gravidade de um vírus por mais de três meses, está aí uma voz que em vez de usar máscara, devia mesmo é usar uma boa mordaça, isso sim, ou até uma colocada em sua boca pela voz do bem. A nossa! Sussurramos, nos calamos diante dos gritos histéricos contra a Cloroquina. Estão aí os números que provam isso. Assumamos a nossa culpa!

Selminha Rocha disse...

NÃO ACREDITO EM NENHUM INSTITUTO DE PESQUISA!!! Parto da premissa, q ninguém é obrigado a fazer aquilo q não quer, livre arbítrio, escolhas... simples assim!!

Anônimo disse...

A decisao sera minha em conjunto com o medico,eu tomaria sem sombra de duvidas se fosse o caso,to me lixando para instituto de pesquisa.

Vandeco disse...

É só viajar para uma região com malária que qualquer toma. Aí daquele que não tomar a CLOROQUINA! E outra vai tomar várias vezes...

Anônimo disse...

Saudoso dos ladrões do PT e do PSDB se estamos com dinheiro para distribuir para os mais pobres é que foi estava anda a roubalheira. E esse povo burro vais na onda do carimbo.imoposto pela Globo e esquerda ladra. Apresente uma medida Autoritária do Presidente.