Justiça gaúcha bloqueia bens do presidente do PT de Esteio, RS

A desembargadora Lúcia Cerveira atendeu pedido do MP e tornou indisponíveis os bens e ativos do presidente do PT de Esteio, RS, Uéverson Costa Alves, tudo no âmbito do Agravo de Instrumento apresentado na ação por improbidade administrativa em curso. O bloqueio vai até o valor de R$ 174,2 mil.

O caso foi parar no MP depois que este apurou que Uéverson, então secretário da Adminsitração do prefeito Gilmar Rinaldi, PT, mandou pagar gratificação salarial e insalubridade para o servidorTiago Sperb, tudo de maneira absolutamente indevida.

Tiago Sperb também teve bens bloqueados até o valor de R$ 232,3 mil.

A ação continua em curso na cidade de Esteio.

3 comentários:

Anônimo disse...

https://www.oantagonista.com/brasil/marco-aurelio-solta-chefe-do-pcc-em-santa-catarina/

Anônimo disse...

Se a PF tivesse autonomia pra grampear todo e qualquer suspeito para pré investigação criminal, principalmente do meio político, ficariam espantados, talvez não se escapasse nenhum inocente nesses grampos. Mas tem que pedir autorização pro judiciário, e ai metade do trabalho é melado, o que tinha se ser sigiloso, se perde pelo caminho.

Anônimo disse...

Mentira, os petralhas são honestos