Só agora, aos 100 dias de governo, Leite consegue completar seu secretariado

O governo Leite completa seus 100 dias com muita conversa e pouca ação. A charge ao lado, que circula nas redes sociais, demonstra isto.

Quase ao completar 100 dias de governo, que ocorrerá amanhã, o governador Eduardo Leite conseguiu finalmente completar seu secretariado, já que acaba de nomear Agostinho Martins Neto, PTB, para secretário de Articulação e Apoio aos Municípios, uma pasta desnecessária que ele criou na reorganização do andar de cima da sua administração. Estas funções sempre foram cumpridas por uma das subchefias da Casa Civil.

Não há data para a nomeação de Agostinho.

Muitas vagas no segundo escalão estão também sem titular.

A definição desagradou o PP, que se queixa da desatenção do governador, que se comprometeu formalmente em buscar um modo de permitir o ingresso do progressista Marcus Vinicius na Assembleia, já que ele é primeiro suplente. O acordo foi de optar por um deputado estadual do PTB para o secretariado e com isto abrir vaga para Marcus Vinicius. PTB e PP disputaram coligados.

15 comentários:

Anônimo disse...

ISSO É SÓ O COMEÇO O PIOR AINDA ESTA POR VIR, MAS TEMOS UM CONSOLO FALTA POUCO TEMPO PARA O MARCHEZAN SUMIR DA PREFEITURA JÁ É ALGUMA COISA.

Anônimo disse...

E a grande mídia gaúcha, até agora, não deu um pio sequer ...

Não deram um só dia de trégua para o Bolsonaro, mas para o Leite, darão certamente mais de 300 dias de calmaria ...

Anônimo disse...

Qual a novidade?BOlsonaro tambem nao conseguiu

Anônimo disse...

Acho que esse Leite nem para Ambrosia serve.

Anônimo disse...

esse Leite é leite-moça hem ,kkkk

Anônimo disse...

Leite-moça governador da gauchada, agora vai, kkkkk, lembranças desde meu desenvolvido Paraná

aparecido disse...

Quem enxerga Leite desnatado é um grande otimista...a maioria não esta vendo nem o leite...

Anônimo disse...

O velho jovem preservando “ A Velha Politica ” loteando cargos e mais cargos. Gestores da coisa pública para tirar o Estado dessa crise não vi nenhum. Já ficou provado que político não é gestor de coisa alguma, por isso estamos falidos e quebrados.

Anônimo disse...

"Leite-moça governador da gauchada, agora vai, kkkkk, lembranças desde meu desenvolvido Paraná"


Hoje não é 1° de abril, meu amigo. Até hoje as pessoas precisam procurar no mapa o tal Paraná e alguns ainda acham que Curitiba é um estado.

Anônimo disse...

Leite zzzzzzzzzzzzzzzz

Anônimo disse...

leite-moça ?

Anônimo disse...

A solução dos problemas do Estado segundo a campanha do governador é "tirar a bunda da cadeira" e "reorganizar o fluxo de caixa" ! E ....

Anônimo disse...

Não sei em que planeta vive o camarada das 14:25, deve ser desses bairristas bobocas que acham que essa terrinha é a Suíça. Enquanto o caipira fica se vangloriando de façanhas imaginárias, os servidores desse estado não sabem o que é um salário em dia desde 2015.

Anônimo disse...

Melhor que o Sartori, com certeza. O Sartori não fez nada(assim como havia prometido) em todo o seu mandato.

Anônimo disse...

Interessante que a tal RBS, não deu um dia de folga para o governo federal trabalhar, malhando tudo o que o governo faz, com muitas vezes, a página inicial deles terem 7 notícias falando mal do governo federal... enquanto isso... no governo estadual.... não dão um pio.. e o tal Dudu Milk nem fechar o secretariado fechou.