RS: ICMS e aumento dos servidores poderão ir a voto no mesmo dia, 11 de dezembro

Ganhou corpo na Assembleia do RS a proposta de juntar no dia 11 de dezembro as votações das propostas de prorrogação das atuais alíquotas do ICMS e do aumento dos salários dos servidores do Judiciário, Legislativo, TCE, MPE e Defensoria.

Os deputados garantiriam o dinheiro extra pedido pelo próximo governo (R$ 2 bilhões no ano), mas também garantiriam o reajuste dos servidores (R$ 160 milhões a mais na Folha de Pessoal do Poder Público do Estado, no acumulado do ano).

7 comentários:

Milton disse...

Que delícia. Mete no do povo e aumenta o salário dos nababos. Zil zil zil

Anônimo disse...

POLIBIO, relacione após todos desta votação.

Sheila disse...

é um escárnio com o povo...verdadeiro escravo que sustenta as mordomias de uma elite aboletada no Estado.

Anônimo disse...

Cambada de vigaristas..... Isto NÃO É democracia....

Anônimo disse...

Com o ICMS mair, o déficit continuará, por isso o aumento não deveria ser aprovado.

Anônimo disse...

Concordo com anônimo das 14:21, " Isto NÃO É democracia"!


Também NÃO É REPÚBLICA, é uma MONARQUIA travestida, uma ditadura socialistas criada pela CF/1988.


SOMENTE a CF/1988 nos levará, ou já estamos, QUEBRADOS, faltando ainda a paralisia de parte dos tais "prestadores do serviço público" deixarem de ganhar salários completamente.


Anônimo disse...

O povo pede o fim do aumento do ICMS e pede que não aumentem o salário dos privilegiados!!!