TJ do RS libera auxílio-moradia retroativo para consulta

No ano em que a Lei de Acesso à Informação completa meia década, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ) passou a divulgar em seu portal da transparência os valores do auxílio-moradia retroativo pagos a magistrados gaúchos.

Só em 2017, entre fevereiro e maio, o órgão direcionou R$ 12 milhões à Parcela Autônoma de Equivalência (PAE), nome dado à indenização.