Seguradoras impõem adicional para caminhões que transportam mercadorias no Rio

Segue texto sobre o adicional de cobrança por parte de todas as transportadoras que operam no Rio de Janeiro.
As seguradoras não querem mais arcar sozinhas com custos de roubos de cargas e total insegurança no RJ.
O Rio de janeiro está sob total abandono, decretando-se a falência do poder público naquele Estado,
Logo, teremos esta situação estendida para outros estados da União.
Existe também a possibilidade de de que a partir de 10 de agosto nenhuma transportadora opere mais  no Rio de Janeiro, levando o Estado ao caos e ao desabastecimento total.
O editor preserva o nome do segurador.

Cobrança Taxa EMEX
0,30% sobre o valor mercantil e R$ 10,00 para cada 100Kgs.
Gostaria de esclarecer que a Emex, como o próprio nome indica, é uma taxa excepcional, isto é, se inscreve nas situações extremadas e imprevistas como revoluções, guerras e grandes catástrofes naturais. Aliás, não pensem que estou exagerando, basta ler o noticiário diário no qual os eventos de roubo no Rio são evidenciados.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

3 comentários:

Anônimo disse...

Iraque de Janeiro.

Chico Valente disse...

Deviam colocar os "defensores dos direitos dos manos", maria do ossário" na frente, a paletear as cargas para abastecer a cidade.

Anônimo disse...

Rio de Janeiro fechado para balanço, pode entrar com pedido de falência. Piores politicos do Brasil, passou Alagoas.