Eduardo Cunha ataca o neotrotskista Pepe Vargas: "Ele acredita em Papai Noel"

Um dia após ser eleito presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, que é do PMDB do Rio, bateu duro na articulação política do governo,formada basicamente pela DS do RS, os neotrotskistas do PT (Pepe Vargas e Rosseto) e mais Aloísio Mercaddante, chamando-a de "atrapalhada", e criticou o patrocínio do Planalto a novos partidos, como o novo PL que o ministro Gilberto Kassab (Cidades) pretende criar. "Só o governo, através do seu articulador Pepe Vargas, acreditava em Papai Noel", disse o deputado carioca, que concedeu entrevista exclusiva para a Folha de S. Paulo, conforme o leitor poderá acompanhar no link a seguir. Na entrevista, Eduardo Cunha ataca frontalmente o governo, mas deixou claro que está aberto a conversações com o Planalto.
CLIQUEAQUI para ler tudo. 

4 comentários:

Anônimo disse...

Eduardo Cunha, bote para lascar. Olho por olho e dente por dente.

Anônimo disse...

Estas chacotas ao Pepe Vargas por
alcunha PEPE LEGAL devem deixar a gauchada MUITO PREOCUPADA COM O SARTORI. Porque? Porque por anos a fio eles disputaram a taça de CASIAS pau a pau, com vitórias de
um ou de outro. Pelo que se conclui Sartori não fez vantagem
com suas vitórias, afinal seu adversário era tão apenas o PEPE LEGAL.

Justiniano disse...

Pepe Legal é aquele cavalinho que volta e meia dava um tiro no pé. Aplica-se perfeitamente o apelido.

Paulo Celso Daniel disse...

Alô Polibio! E dizer que a dupla trotskista gaudéria Pepe & Rosseto está dando as cartas - se não ridículo, hilário. Nesse governo da Bang só falta o doutor tarso e o Augustin (aquele que micou o FGTS com a compra de ações podres da Petrobrás). Consta que o problema do doutor tarso é o seu ego que não passa na porta do Planalto!