Simon diz para Taline Oppitz que não é candidato. PMDB terá que escolher entre Rigotto e Fogaça.

Na sua coluna de hoje, a jornalista Taline Oppitz, Correio do Povo, informa uma declaração e um gesto praticados nesta terça-feira pelo senador Pedro Simon, que reabilitam a boa imagem política que ele sempre teve entre aliados e adversários:
1) Ele pediu desculpas públicas à senadora Ana Amélia, a quem acusou de colaboração com a ditadura militar.
2) O senador também avisou que decididamente não é candidato à reeleição, abrindo caminho para que Rigotto e Fogaça entrem no páreo, conforme é desejo de cada um dos dois e da maior parte do PMDB do RS.

Leia a nota de Taline:
No centro do impasse a respeito da candidatura do PMDB ao Senado, Pedro Simon falou sobre o tema da forma mais clara até agora, em entrevista ao 'Esfera Pública', da Rádio Guaíba. Simon afirmou que não quer concorrer à reeleição e que o partido deve fazer o que avaliar como melhor alternativa na tentativa de manter a cadeira hoje ocupada por ele no Senado. Entre os nomes citados como capazes de sucedê-lo na eleição, estão Paulo Ziulkoski, Germano Rigotto e José Fogaça. Durante a entrevista, mais uma vez, Simon destacou que está à disposição do PMDB, caso seja necessário, para concorrer à reeleição, mas destacou que a definição cabe ao partido e que não partirá dele a negativa em participar da disputa. 'Tenho 84 anos e já dei minha contribuição. Não quero ser candidato, mas não vou assumir a responsabilidade do PMDB. Se fizesse isto, no caso de derrota para o candidato considerado favorito, a culpa pelo fracasso seria do Simon', disse, referindo-se a eventual vitória de Lasier Martins, do PDT. Na prática, o PMDB está à espera de Simon, que, por sua vez, passou a bola definitivamente para os dirigentes do partido.

6 comentários:

Anônimo disse...

Políbio,

Em resumo:

- O Pedro Simon esta de saída;

- Aproveitou a mamata e gastou R$ 80.000 em odontologia cosmética;

- Falou besteira em relação a Ana Amélia;

- É o conhecido Pedro Simon, que só pensa NELE MESMO!!

JulioK

Anônimo disse...

GRAÇAS A DEUS. UM MALA A MENOS.

Anônimo disse...

VOLTARAM A DAR O REMEDINHO PARA O VOVÔ..

Anônimo disse...

Rigotto e Fogaça! O PMDB gaúcho precisa de mais vibração. Pelo menos o Simon, de vez em quando, tinha uns piti, quando discursava lá no senado! Acho que um por ano!

Anônimo disse...

Diz que não é mas tá louco para ser.Está se fazendo de rogado e vai ficar esperando.
Diz que não quer porque não tem chance.Se fosse páreo corrido estava lá na largada como sempre.

Anônimo disse...

Tenho apenas um consolo: nunca votei no MDB e, depois de 1985, sempre que tive condições não votei no PMDB. Se a reserva moral do RS é esse sujeito, definitivamente já se sabe a razão do RS estar com as calças na mão. Só precisamos de um governadorzinho pro-forma para administrar a folha de pagamentos.
Roberto Arena