Oposição encurrala e humilha Tarso no caso dos projetos do Banrisul. Governo vaporiza na Assembléia.

Em entrevistas às rádios gaúchas, o presidente do PT, deputado Raul Pont, assumindo a posição de vítima, reclamou: "Como é que a oposição não dá quorum ?". Ora, e os 27 deputados da base aliada, que sozinhos garantiriam o quorum  ? Raul Pont falou com falcão depenado, choramingando pelos cantos, bem diferente do senhor do raio e do trovão com os quais hostilizou a oposição durante os três primeiros anos do governo. 

A maioria que o governador Tarso Genro teve durante os seus três primeiros anos de mandato está se desmanchando no ar (vira vapor, conforme figura ao lado), segundo foi possível perceber claramente esta tarde na Assembléia do RS, quando não houve quorum para colocar em discussão e votação os projetos  276 e  279 que propõem a criação da Banrisul Corretora de Seguros e Banrisul Administradora de Cartões de Crédito. No total, 88 projetos estão prontos para votação - todos em regime de urgência. Nova tentativa ocorrerá dia 3, mas no dia 10 a Assembléia entrará em recesso.

. O chefe da Casa Civil tomou café e almoçou com deputados da base aliada, garantindo 27 deputados em plenário para abrir os trabalhos da tarde na Assembléia, mas apenas 23 deles compareceram.Faltaram quatro dos sete deputados do PDT, que é da base. 

. Desde que perdeu o PSB e não consegue segurar o PDT, resultado da incompetência e falta de habilidade do governador Tarso Genro e seus auxiliares, tudo está dando errado para o Piratini. Além disto, a oposição encorpou e age com mais entusiasmo diante do seu crescimento. 

. Foi uma derrota esperada do Piratini.Uma nova humilhação. Os projetos irão a votação na semana que vem, justamente quando a base terá pelo menos três deputados a menos, porque eles acompanharão Tarso Genro na sua viagem à China. 

. O governo está se liquefazendo a olhos vistos na Assembléia e suas lideranças parlamentares perderam o poder de negociação e o até o eixo. Os deputados petistas e seus aliados batem cabeça pelos cantos. 

. O governo perdeu a maioria depois que o PSB e seus três deputados saíram da base e logo em seguida à migração do deputado Cassiá Carpes do PTB para o Solidariedade.

. A oposição retirou seus deputados do plenário e com isto o presidente da Assembléia, pedro Westphalen, não encontrou deputados em número suficiente para encaminhar os dois projetos à votação.

. As restrições dos oposicionistas dizem respeito à caixa preta na qual os dois projetos do governo foram enfiados. A oposição quer que o governo entregue cópia do contrato firmado entre Banrisul e Brasil Plural, pelo qual sai todo o serviço de estruturação das duas estatais, inclusive possíveis IPOs. Além disto, os deputados querem garantias de que o dinheiro amealhado com a venda de participações nas estatais, calculado em R$ 2 bilhões, sirva apenas para capitalizar o banco e não para tapar rombos do caixa do governo. 

4 comentários:

Anônimo disse...

Mas isso é muito menos que esta cara merece. Imaginem o que será seu fim de governo, que começa já em janeiro próximo.

Anônimo disse...

Porque a urgencia se nao fez NADA até agora alem de viajar é claro.
Nem rodovias nem presidios nada. E agora quer criar outro Clube da Cidadania???

Anônimo disse...

Tarso "quem" ?

Anônimo disse...

Tá na hora do cafezinho chegar morno aos gabinetes, estes caras são tão burros que qualquer anta sabe, tudo que for ruim faz nos primeiros dois anos e o que é bom no final, mas eles não sabem fazer nada.




Eduardo Menezes