Financial Times ironiza eleições brasileiras: "O tomate é o maior adversário eleitoral de Dilma"

- A montagem é do site Brasil247.

O jornal britânico "Financial Times" seguido a onda da mídia brasileira e publicou, neste domingo, uma reportagem que ironiza o impacto que a alta do preço do tomate no Brasil tem causado na economia brasileira.

. A publicação ainda insinua que, apesar de a presidente Dilma Rousseff estar entre os chefes de estado mais populares do mundo, suas chances de reeleição no próximo ano estão sendo “desafiadas por um oponente formidável - o humilde tomate”.

. A reportagem diz que o produto é tão sensível no Brasil, como a cebola na Índia, em razão de status de alimento básico que ocupa. A publicação ainda menciona que, apesar de a taxa de inflação do Brasil permanecer bem abaixo do que a de outros países emergentes com o a vizinha Argentina, onde está em 24%, no mês passado o índice chegou a 6,59%, rompendo com a meta do Banco Central (4,5%).
O Financial Times citou ainda as piadas sobre o preço do tomate que ganharam o país, com consumidores dizendo que teriam de começar a pagar por eles em prestações - “um método comum de comprar no Brasil, mas geralmente reservado para iPhones, em vez de alimentos”.

* Clipping www.brasil247.com.br

2 comentários:

Anônimo disse...

Esse filme todos que tem 50 anos ou mais assistiram, quem lembra do ministro Delfin Neto indo a televisão explicar que a inflação estava aumentando devido ao tomate, inclusive levou um caminhão de plastico com uns tomates na carroceria e imitou um acidente para justificar o próximo carregamento com aumento. Alguém ligado a tv pode buscar este vidio-teipe, e mais estranho a inflação no época estava em 6%, dai prá frente nós pagamos o bolo que seria repartido com todos os brasileiros segundo o Sapo Gordo.

Eduardo Menezes

Anônimo disse...

ELLA SE VESTE COMO SE FOSSE UM TOMATE kkkkkkkkkkk