Acabou a lua de mel entre as entidades empresariais e o governo Tarso Genro.

Acabou a lua de mel entre as entidades empresariais - Fiergs, Federasul, Farsul, Fecomércio e Federação CDLs - e o governo Tarso Genro.

. No mesmo diapasão da oposição, as entidades estão contra a criação da nova estatal, a EGR, como também contra as novas taxas de serviços públicos e o aumento da alíquota previdenciária.

. Os empresários querem que seja mantido o atual modelo de concessão de estradas, sob novo formato, são contra aumento de carga fiscal e querem reforma da previdência e não apenas aumento de alíquota para fazer caixa.
 
. É tudo justo.

. Desde o governo Yeda Crusius, quando ocuparam as galerias para ajudar a sepultar o reajuste do ICMS, as entidades empresariais ficaram de fora da Assembleia, mas esta semana voltaram aos gabinetes dos líderes.

- Tarso Genro tentou cooptar as entidades através do Conselhão, que acabou revelando-se um elefante branco. 

5 comentários:

Anônimo disse...

Alguém ainda se lembra do Conselhão ? Mais um factóide do Tarso, que, quando assumiu, achou que era o Imperador do RS !

Anônimo disse...

Tá na cara que os "empresários" querem continuar sugando o estado mantendo a atual concessão de pedágios com os preços "o olho da cara".

Esse PSB não é confiavel, alias o PDT também.

Espero que sejam "lembrados" nas eleições.

Francisco Berta Canibal disse...

e este conselhão tem de tudo, até invasor de lares.

Anônimo disse...

O RS está se encaminhando prá ser um novo nordeste(aliás, o nordeste deixanddo de lado a seca vai mto bem). Mas o gaúcho merece essa gente da quadrilha do mensalão. Não bastou o exterminador do futuro, olívio, que elegeram esse comunistatrotskista.

Anônimo disse...

Nada como o tempo .
Os botocudos com sindrome de avestruz . O RS continua quebrado não há recursos para investimentos .O rei esta nu !!!!!