Mariza Abreu lidera debate sobre extinção da Suepro pelo governo do Estado

A ex-secretária da Educação, Mariza Abreu, liderou audiência pública na Comissão de Educação da Assembleia Legislativa que debateu nesta terça de manhã a intenção do governo Tarso Genro de extinguir a Superintendência de Ensino Profissional - Suepro.

. A Suepro, criada por lei estadual em 1998, serve de elo entre as escolas públicas regulares que mantêm cursos técnicos e a Secretaria de Educação.

. Para Mariza, "querer extingui-la representa um descompromisso do governo com o ensino profissionalizante".

. Ela salienta que, por ter sido criada por lei, a Suepro não pode ser extinta por ato administrativo.

. O que a professora não disse, mas sabe, é que por trás desta intenção está uma disputa interna entre correntes do PT. A Suepro tem estrutura e orçamento autônomos e seus detratores alegam que não está sincronizada com as práticas políticas da pasta.

Nenhum comentário: