TRT julga esta tarde se greve dos vigilantes é abusiva

O Tribunal Regional do Trabalho julga nesta tarde o pedido do sindicato patronal dos vigilantes de Porto Alegre para declarar a greve da categoria abusiva.

. Os profissionais estão paralisados desde a última quinta-feira. Eles exigem 15% de reajuste salarial, aumento do vale-refeição e melhores condições de trabalho.

. Com a greve, a maior parte das agências bancárias da cidade está fechada, pela falta de segurança.

Um comentário:

Mateus Silveira disse...

É lamentável que existem categorias como essa onde regredimos no tempo da extorsão e do descaso c/a nossa sociedade tão sofrida e pacificadora com um assunto tão sagrado que é o nosso salário na mão desses burocratas e burgueses que aprontam todos os anos c/ reinvidicações polêmicas e extorsivas em relação a outras categorias de maior expressão em nossa cidade fruto do esquecimento de uma polêmica e atrasada justiça que só favorece esses bagunceiros que lucram c/nosso desespero ,pergunto aos amigos e eleitores -De que lado esta esse polêmico sindicato e os bancos? Estes pouco s/manifestam em ajudar nosso sofrido povo,sempre d/ lado da extorsão,dos impostos abusivos,onde esta essa categoria de vigilantes e transportadores de valores que ganha 4 vezes mais do que um professor da rede publica, se ainda existe justiça nesse pais que reveja esse tipo de abuso contra nossa sociedade e puna esses que se dizem irons -mans de uma politica pré histórica e arcaica que não se preocupa com desejos e valores importantes para nossa cidade ,e sim seus corrompidos cabos eleitorais de votos e propinas, não esqueçamos do caos dos ônibus e de todas essas surpresas que lesam somente nós ,os esquecidos pagadores de impostos e sofredores de uma autarquia imprudente e irresponsável até c/ nossa justiça.