Celso Russomano, Haddad e Márcio França partem na frente pela disputa da prefeitura de SP

Se as eleições para prefeito de São Paulo fossem hoje, Celso Russomano venceria no primeiro turno com 22,4%. Os demais candidatos colocam-se bem atrás dele.

Acompanhe os dados apresentados há pouco pelo Instituto Paraná Pesquisas e enviados ao editor:

Celso Russomano, 22,4%; Fernando Haddad, 14,6%; Márcio França (ex-governador), 12,9%; Paulo Skaf (presidente da Fiesp), 10,9%; Bruno Covas (atual prefeito, PSDB), 7,9%; Joice Hasselmann, 5,9%;Guilherme Boulos (ex-candidato a presidente, Psol), 2,6%; Andrea Matarazzo, 2,3%; Gabriel Chalita, 2%.

13 comentários:

Anônimo disse...

Quando você pensa que não vai piorar, sempre piora.

Com tantos prefeitos péssimos. São Paulo vai se afundar e o interior de São Paulo quem vai crescer.

O ABC paulista vai virar a Detroit do Brasil. As fábricas vão embora para o interior de São Paulo e para outros estados. Tudo graças a tanta máfia sindical, política e estatismo esquerdista roubando tudo com fábricas velhas em meio a tanta inovação tecnológica em outras áreas.

A esquerda vai afundar essa região igual os democratas fizeram em Detroit.

São Paulo e Rio de Janeiro vão se afundar de vez.

Os líderes de outras cidades e estados se forem espertos, aproveitaria essa decadência dessas regiões para decentelizar a economia do país.

Anônimo disse...

Celso Russomano.Merece

Anônimo disse...

Espero que surjam ao menos 1 outsider para ter alternativa.

Só tem lixo político de esquerda e centro. Só político em fim de carreira que não quer se aposentar nunca.

Já pensou o Haddad perdendo eleição se novo?

Se colocaram uns 2 candidatos de nível, os 2 vão ao segundo turno. O nível está muito baixo.

Anônimo disse...

E ALGUÉM AINDA acredita nessas pesquisas que diziam que Bolsonaro perdia para qualquer candidato no segundo turno da eleição presidencial???

Anônimo disse...

Celso Russomano sempre sai na frente. Depois vai murchando. Será que dessa vez emplaca? Já o Andrade vai levar outra chumbregada em SP

Anônimo disse...

Deus me Livre e Guarde, "tô fora", como diria Marcia Tiburi ao fugir do debate com Kim Kataguiri.

Alaor disse...

O Celso Russomanno sempre larga na frente nas pesquisas e depois cai.

Justiniano disse...

Haddad foi a maior tragédia como prefeito de São Paulo, vão querer de volta a cracolândia que esse desgraçado criou na capital.

Foi tão ruim que nem conseguiu se reeleger ficando com míseros 26% de votos.

Anônimo disse...

E a melhor escolha é...se mudar pra bem longe de São Paulo!!! Porque ninguém merece isso aí.

Anônimo disse...

Nenhum deles.!!! Meu Deus, que droga de candidatos!!. O Bolsonaro devia prestar atenção ao Estado mais rico da Federação. . Antes de sair desembestada apoiando o Doria (que é uma decepção, já que deixou o Covas derrubando as pontes e financiado carnaval) eu teria optAdo pela Joice. Mas se Joice apoia Doria...apoia covas.. apoia motorista do Marighela.. apoia assessor do TEMER e tudo que o Dóris trouxe para mamar aqui em SP.

aparecido disse...

Celso Russomano é cavalo paraguaio.. há cinco eleições para prefeito de SP que ele começa na frente e perde na final....

Selminha Rocha disse...

Que Deus nos livre de todos eles: Celso Russomano, Márcio França e Fernando Haddad é pacabá né? Apenas um único detalhe, mal começamos 2019, então srs por favor, vão trabalhar.

Anônimo disse...

É a maçonaria que domina sampa, né editor?