Indústria paulista cria mais empregos em fevereiro, mas continua patinando no acumulado do ano

A locomotiva industrial do Brasil, SP, continua patinando na questão da geração de empregos.

A indústria paulista criou 2,5 mil postos de trabalho em fevereiro, de acordo com os dados divulgados ontem pela FIESP/CIESP. 

Onze dos vinte e dois setores monitorados contrataram liquidamente no mês passado, com destaque para o setor de couro e calçados, enquanto sete segmentos fecharam vagas e quatro registraram estabilidade. A despeito da geração positiva de postos, o nível de emprego na indústria paulista recuou 0,1% na margem, descontada a sazonalidade, mantendo a trajetória de queda observada ao longo do ano passado. Na comparação interanual, a retração foi de 1,9%. Diante da moderação do desempenho do setor industrial, acreditamos que o emprego do setor deverá continuar bastante modesto.

4 comentários:

Anônimo disse...

E o SUL Maravilha? nem patinando... mas garganteando...

Anônimo disse...

Olha a maria-fumaça resvalando nos trilhos...

Joel Robinson disse...

Resvalando porque tem que puxar estados falidos como vagões...

Anônimo disse...

Joel vai lá reabrir a fábrica da Ford e para de encher o saco. Quando o impacto deste fechamento chegar aos índices veremos a verdade...