PEC sobre plebiscito das estatais será votada em abril

A PEC que acaba com o plebiscito para venda de estatais gaúchas poderá ocorrer no dia 23 de abril.

O governo já tem maioria de 2/3 para aprovar a proposta.

A costura política para fazer o avião decolar é obra exclusiva do governador Eduardo Leite.

A mesma PEC, apresentada por Sartori, não saiu do lugar por falta de maioria.

6 comentários:

Anônimo disse...

Por falta dos votos do PSDB e PDT. Oportunismo eleitoral puro.

Anônimo disse...

Plebiscito me fez lembrar o Brexit que o povo levou a Inglaterra num beco sem saída, ou me lembra o Referendo do Desarmamento no Brasil, o povo votou não e o PT disse sim e não cumpriu o Referendo, ainda deu um prejuizo de 600 milhões ao bolso do cidadão para bancar o Refendo em todo país, Bril, País de To...

Anônimo disse...

Quer dizer que a CEEE cobra dos trouxas ICMS e não repassa ao Estado do Rio Grande(?) do Sul. São mais de 1 bi...Ai o Estado não tem dinheiro para pagar o mesmo que pagou ICMS a CEEE...que não paga op Estado ou seja ao mesmo contribuinte? Sanatório geral....

Nelson disse...

Para criar ninguém me pergunta se pode. Extingue, vende, faz qualquer coisa com essas porcarias, mas não me roubem para manter estatal nenhuma.

Anônimo disse...

Anônimo das 10,49. Onde o tarso genro gastou os quase 4(quatro) bilhões de reais que a dilma pagou uma antiga dívida que o governo federal tinha com a CEEE...???

Maiquel Oliveira disse...

Enfiou na bunda dos políticos não só do pt mas de todos partidos