Conheça, aqui, o acordo Brasil-EUA para uso da base de Alcântara

Conheça, aqui, o acordo de salvaguardas tecnológicas entre Brasil e Estados Unidos para o uso compartilhado da base de Alcântara prevê, entre outras coisas, a manutenção da soberania brasileira em todas as áreas do centro de lançamento.

São criadas, porém, regras que restringem acesso aos setores em que a tecnologia americana estiver sendo manipulada ou armazenada.

CLIQUE AQUI para examinar.

5 comentários:

Anônimo disse...

>>

O link está errado e abre uma página para criar um novo blog no BlogSpot.

<<

Anônimo disse...

kkkkk!

Já falei em outra postagem que não foi publicada!

Os reais motivos! Os americanos ganharam a base e outra coisa, anda pelos bastidores, que em breve a Amazônia é outra que vem de bandeja ainda mais que se sabe que existe praticamente um oceano de água doce embaixo!

Só pra provar o conhecimento... procure sobre Maceió que esta desmoronada e tem estudo de 1965 afirmando que existia rachaduras em pontos da cidade e o pessoal da mineradora encheu de água e cloro depois que retirou o miolo dos túneis. Pior ainda é que tem gás cloro venenoso se inalado encubado se desmoronar.

Vai criar um mine tsunami internamente no lago que tem no meio e vai fazer o efeito rebote tanto de um lado quanto para o outro!

Não me venha com comunismo, trumpismo, evangelismo, ou outros putismos!

Mordaz disse...

Óbvio. É aluguel da base, não a venda de tecnologia.

Alaor disse...

Não funcionou, não consegui ler mais informações.

Anônimo disse...

O maluco das 11:57 esqueceu de tomar o remédinho..
Quanta asneira...