Trégua política e Guedes na articulação política da reforma, fazem Bolsa subir no Brasil

Uma série de sinalizações a respeito da trégua no entrevero Maia x Bolsonaro e a informação de que Paulo Guedes assumirá a articulação política pela reforma da previdência, produziram redução do mau humor do mercado, que reagiu na forma da retomada de investimentos na Bolsa.

A Bolsa sobe forte e o dólar recuou para casa abaixo dos R$ 4,00.

Neste momento, 13h36min, eis o cenário:

Bolsa, +1,99%, 93.734 pontos
Dólar comercial, +0,49%, R$ 32,2978

4 comentários:

Anônimo disse...

a Bolsa não quer saber de ideologia...

só de dim dim no bolso...

é o deus dinheiro no comando...

Joel Robinson disse...

Bolsonaro, Mourão, Moro, Dodge e comandantes das Forças recebem comenda militar. AVISEM O BOLSONARO QUE ELE É O PRESIDENTE DO BRASIL E NÃO DAS FORÇAS ARMADAS. È MUITA FAIXA,HOMENAGEM E MIMIMI, FOFOQUINHA, DIZ QUE DIZ E DEPOIS DIZ QUE NÃO DISSE. TÁ NA HORA DE ASSUMIR A PRESIDÊNCIA E TRABALHAR. JÁ ENCHEU O SACO, 90 DIAS, E?

Anônimo disse...

Quer dizer que não foram os leiloes de swap cambial que fizeram o dólar baixar, foi a informação de que Paulo Guedes assumirá a articulaçao politica, kkkkkkkkkkkk. Editor, dessa vez tu te puxou.

Anônimo disse...

Paulo Guedes na articulação? É sério isso? Ontem no senado deu para perceber que ele não tem o mínimo traquejo para negociar. Guedes é banqueiro arrogante acostumado a mandar sem ser contrariado. Mandou que os seguranças retirassem os repórteres porque disse que não responderia perguntas, nao admitia que os senadores fizessem apartes, olha se essa informação for verdade é uma tremenda bola fora.