Caíram faturamento, uso de capacidadeinstalada e emprego nas indústrias


Em outubro, dados industriais de faturamento, de emprego e NUCI recuaram na margem, enquanto indicador de horas trabalhadas permaneceu estável.

De acordo com a pesquisa Indicadores Industriais, divulgada ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o faturamento real do setor recuou 2,2% entre setembro e outubro, descontados os efeitos sazonais. Esse resultado seguiu o movimento de queda observado na leitura anterior, quando o indicador recuou 1,8% na margem. As horas trabalhadas permaneceram inalteradas na margem, enquanto o nível de emprego registrou ligeiro recuo de 0,2%. Além disso, o Nível de utilização da Capacidade Instalada (NUCI) retraiu de 77,3% em setembro para 77,1% em outubro. 

Apesar desses resultados, o conjunto de indicadores já conhecidos sugere um crescimento da produção industrial em outubro de 0,8% na comparação com setembro.

Nenhum comentário: