Tensão política leva o dólar para maior alta desde junho do ano passado

Os investidores do mercado financeiro demonstraram enorme nervosismo na véspera da sessão do STF que julgará o habeas pedido por Lula e por isto sustentaram o dólar em alta firme, ontem.

A moeda americana chegou a operar em baixa pela manhã, acompanhando influências externas, mas se rendeu a um clima de maior desconfiança à tarde e fechou em alta de 0,72% no mercado à vista, cotada a R$ 3,3389, maior valor desde 23 de junho do ano passado (R$ 3,3409). 

O volume de negócios somou US$ 1,569 bilhão, de acordo com dados da B3.

5 comentários:

Anônimo disse...

Este é mais um efeito do Princípio Lula.

Anônimo disse...

Se Lula voltar seremos uma Venezuela piorada, o mundo que funciona percebe os riscos se houver esta pataquada do STF. Com Lula na Cadeia também de todos seus irmãos de corrupção, daremos uma sinalizacão de decência e hombridade perante o mundo.

Anônimo disse...




Há cerca de quinze dias atrás, o dólar subiu por conta das medidas protecionistas de Trump contra o aço brasileiro.

Depois Trump retirou o Brasil da lista dos países que seriam sobretaxados.

E o dólar não baixou!

Anônimo disse...

este ladrao quebrou o pais as estatais e ainda continua dando prejuizo

elias disse...

Tensão política,?
Tensão policial. Vários ladrões serão soltos.