Parente acumula presidências da Petrobrás e do Conselho da BRF. Pode isto ?

A eleição, ontem, de Pedro Parente para a presidência do Conselho de Administração da BRF, parece determinar um evidente conflito de interesses para o presidente da Petrobrás.

E que poderá resultar na sua saída da estatal.

4 comentários:

Anônimo disse...

Defina pode.

Anônimo disse...

O salário do Presidente da Petrobras é de R$ 150 MIL , mais as mordomias , que não são poucas. Poderá
acumular com o Conselho da BRF ??? Vovó Cândida.

Anônimo disse...

Ele acha que vai poder aumentar o preço da carne de frango todos os dias como faz com a gasolina

Anônimo disse...

É que no Brasil tem pouca gente para assumir um cargo desses. Então acumulam e continuam as benesses. Agora dando um ar de transparência.