Zé Dirceu ataca Palocci: "É melhor morrer do que virar delator"

Zé Dirceu fica nu mais uma vez. Ele não disse, mas há quem garanta que ele também preferiria matar do que virar delator.

Cumprindo pena como bandido e respondendo a processos por corrupção, o ex-presidente nacional do PT e ex-ministro José Dirceu fez um contraponto entre a sua situação e a do também ex-ministro Antonio Palocci:

- É melhor morrer do que perder a dignidade e se tornar delator.

Zé Dirceu, que enriqueceu na condição de dirigente do PT, também afirmou que Palocci sempre batalhou pelos próprios interesses – e não por uma causa coletiva.

A lição do petista:

- Só luta por uma causa quem tem valor. Os que brigam por interesse têm preço. Não que não me custe dor, sofrimento, medo e às vezes pânico. Mas prefiro morrer que rastejar e perder a dignidade.

91 comentários:

Anônimo disse...

Zé Dirceu é um ladrão vigarista, nada mais do que isso.

Anônimo disse...

Esse espúria do Dirceu tem um total desvio de caráter por não saber o que é dignidade.

FAO

Anônimo disse...

AINDA continuam falando deste CRIMINOSO?

Anônimo disse...

Ele ainda está na fase da negação. Pensa que pode reverter sua situação. Vamos ver quando retornar à cadeia com muitos anos para cumprir.

Unknown disse...

Não adianta lero, lero...
Dirceu comprova o ditado de que "Cachorro que come ovelha, só matando prá parar"!!!
Só falta o TRF4 se dar conta disto!!!
É um escárnio para com a sociedade dos homens de bem do Brasil, um crápula e facínora destes estar solto!!!
Um deboche, um tapa na cara da cidadania!!!

Mordaz disse...

Fernandinho Beira Mar e Marcola fecham com a opinião do José Dirceu. Cúmplice de crime é para ir até o fim?

Anônimo disse...

Desde quando bandido tem dignidade? Zé Dirceu, tu és um covarde, sabe que teus crimes são maiores do que a tua língua, por isso te calas!! Mas, daqui a pouco verás novamente o sol nascer quadrado. Por mim tu passarias a tua vida restante
na cadeia, seu verme imundo!!!

Anônimo disse...

Polibio é só mais um bandido que ficará na história como um nada Zé ninguém um leza Pátria.

Anônimo disse...

Palocci é um homem moralmente subjugado. Vencido pela tortura do juízo de Curitiba. Tenta se livrar da cadeia jogando a culpa sobre Lula.

Anônimo disse...

Esse crápula falando em dignidade? Trocou de cara, enganou até a mulher se dizendo outra pessoa, depois que foi anistiado a abandonou, e vem falar em dignidade? Hipócrita.Canalha.

Anônimo disse...

Sujeito nojento !!!
Persiste no crime utilizando ainda a capa de herói por uma boa causa (=na opinião dele, o comunismo é bom), uma causa maior.

Anônimo disse...

Todas as quadrilhas tem seus códigos e normas, a Máfia é o melhor exemplo, mas estas condições são relevantes e motivo de orgulho somente para os marginais e adeptos ds senda do crime.
Palocci se deu conta, apenas na cadeia,que o crime não compensa,e a sua delação é sua contrição diante do país e de sua família.
Palocci continuará sendo um criminoso,arrependido,e Zé Dirceu continuará sendo um criminoso convicto, pois prefere o covil dos patifes à sua própria nação.
Quem teve a doutrinação comunista, como este patife, será sempre uma ameaça às instituições e aos civilizados. Que volte logo para trás das grades.

Anônimo disse...

Está faltando alguém..um Sniper...mete uma bala na cabeça desse marginal.

Anônimo disse...

Os oito primeiros comentários refletem a realidade moral e pessoal desta pústula que é o Z.D.

O comentário do amiguinho das 9:44 é daquele tipo que tenta negar a verdade, como se pudesse mudar o curso da vida. Fica de pé, abestado!!

Militante => pare de negar - a culpa é do Lulla, sim, junto com a cambada que com elle se associou - políticos de todos os partidos, mega empresários viciados em bolsas, artistas cúmplices, jornalistas vendidos e militontos de vários tipos.

Anônimo disse...

Somente um desclassificado moral vê dignidade na corrupção. Petralha corrupto incorrigível deve cumprir toda sua pena.

Anônimo disse...

Sensacional! Que excelente notícia. Então, ele admite que Palocci falou a verdade?

Anônimo disse...

E o TRF4 continua sem julgar Dirceu, era para fevereiro e já estamos em setembro. Falta agilidade para justiça, é muita palestra remunerada, atualização de rede social e criminosos pousando de herói.

Anônimo disse...

Desculpem coxotas, mas vocês são iludidos pelo William Bonner com muita facilidade...
Dirceu foi condenado sem provas, isso foi admitido pela juíza, que depois disse que ia condenar mesmo assim pois a literatura lhe permitia.

Anônimo disse...

Delatar para ser solto depois de 2 anos de prisão preventiva? E alguém acredita que o imparcial de curitiba está preocupado com a corrupção ou em condenar lula? Se estivesse preocupado porque não quis ouvir o que palocci tinha a dizer sobre os bancos e globo?

Anônimo disse...

Apenas uma pequena lembrança para complementar esse vídeo didático a respeito do "interesse" do medíocre Torquemada da Rede Globo em combater a corrupção: na fase da "Vaza a Jato" denominada, ridiculamente, de Triplo X, os bravos guerreiros da operação foram até o Guarujá procurar provas para incriminar o Lula, mas "trombaram" com a Mossack Fonseca e se viram na contigência de prender dois funcionários da Lavanderia. Agora, como a "Justiça" da Casa Grande tem um apreço"enorme" em combater, "seriamente, a corrupção, rapidinho, colocou em liberdade os funcionários da Mossack Fonseca. Em tempo: se alguém tiver curiosidade a respeito do papel da Mossack Fonseca na lavagem de dinheiro em todo o planeta Terra, por favor, é só procurar na rede o "Panama Papers".

Anônimo disse...

É...a lei é para todos.
Que combate à corrupção é esse? banco e grande mídia não pode?
Só quem tem o único compromisso de odiar Lula/PT pode realmente tomar essa operação como combate a corrupção.

Anônimo disse...

Um bandido falando em DIGNIDADE ?
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

As razões ocultas de Palocci

Por Ricardo Brunon - jornalista político, apresentador do programa Jogo do Poder (Rio) e ex-secretário de comunicação do Estado do Rio
7 de Setembro de 2017

No momento em que a Lava Jato vivia sua pior crise de credibilidade junto à opinião pública, com sérias denuncias envolvendo um procurador próximo de Janot e um advogado amigo de Moro
(...)
O "italiano" teria sido tomado por súbito espírito público, resolvendo abrir alguns dos crimes de que participou, sem exigir nada em troca. No pano verde, resolveu simplesmente mostrar suas cartas. Reparem que todas as perguntas que incriminavam os ex-presidentes Lula e Dilma, foram respondidas por Palocci afirmativamente, Sem exceção, sem uma ressalva sequer em nome da absoluta preservação da verdade. Tudo com indisfarçável sabujice ao magistrado.
Se este comportamento viesse no bojo de uma delação, poderia ser questionado mas seria entendido. Da forma que se deu, de modo aparentemente desinteressado, soa estranho e mostra no mínimo que há motivações ocultas a impulsioná-lo em direção ao apoio à Lava Jato exatamente no momento em que a operação tem sua credibilidade contestada.

FONTE [LÍMPIDA!]: https://www.brasil247.com/p...

Anônimo disse...

Ah, o torturado Antonio Palocci ou outro ente qualquer terá que justificar o por que de aquela espelunca do Guarujá ter sido integrada ao espólio da OAS na Caixa Econômica Federal no bojo do processo de recuperação jucidial da empreiteira!
antonio ‘PaLLochio’ ou Santo Antônio?

Anônimo disse...

Lava Jato: os algozes viraram alvos

Moro, Miller e o terror dos Jacobinos

publicado 08/09/2017

(...)
E o caso de Moro, o Robespierre tupiniquim? Viu-se enrolado em uma trama pouco noticiada até agora, uma história publicada inicialmente na Folha de S. Paulo.
Um ex-advogado da empreiteira Odebrecht, Rodrigo Tacla Duran, acusa um padrinho de casamento do juiz, Carlos Zucolotto Junior, de comercializar delações na 13a Vara Federal de Curitiba. Zucolotto não priva apenas da intimidade de Moro enquanto amigo. Foi sócio da mulher do magistrado, Rosangela, em uma banca de advogados.
Um documento da Receita Federal mostra que o escritório de Duran contratou serviços do escritório de Zucolotto e Rosangela. Esse elo, revelado pela revista Veja, poderia levar ao questionamento da imparcialidade de Moro para julgar casos a envolver Duran e, quem sabe, a Odebrecht, cliente de Duran entre 2011 e 2016.
Logo após a acusação de Duran, Moro divulgou uma nota em que diz, entre outras coisas, que a Folha não deveria dar crédito ao relato de um foragido (Duran está na Espanha, onde tem cidadania).
Diante da resposta do juiz, um famoso criminalista atuante em Brasília, defensor de encrencados na Lava Jato, Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, divulgou um texto a mostrar como o algoz Moro poderia ser vítima do próprio jacobinismo.

Anônimo disse...

... Pensando bem:
sob tortura e no sentido de destravar o acordo de delação, haveria outra alternativa ao Antonio Palocci tirante a de criar uma novela (Pacto de Sangue) bem ao estilo Projac que o 'mor(T)o' adora?

Ou seja, os últimos capítulos da 'Farsa a Jato' poderão estar mais próximos do que nossa vã filosofia poderia imaginar!

Anônimo disse...

O Zé das galinhas é só mais um Zé Ruela que vai sair da historia pela descarga......

Anônimo disse...

Minhas últimas palavras MORO nos bandidos.

Anônimo disse...

Impressiona a quantidade no blog de "defensores" do Dirceu - guerreiro do povo brasileiro...

Cambada => não adianta tentar enganar: vcs são pagos para escrever estas burrices. Até meu papagaio de estimação sabe disto.

Anônimo disse...

É uma total inversão de valores a cabeça de um esquerdopata. A colaboração de um delator é acima de tudo uma saída digna, pois de alguma forma ajudará a esclarecer os fatos e se fazer justiça com relação a este período sombrio da história do Brasil. Palocci escolheu o caminho certo, prá mim sem dignidade é o corrupto que quer esconder os seus malfeitos para sempre, como este senhor aí.

Anônimo disse...

É uma total inversão de valores a cabeça de um esquerdopata. A colaboração de um delator é acima de tudo uma saída digna, pois de alguma forma ajudará a esclarecer os fatos e se fazer justiça com relação a este período sombrio da história do Brasil. Palocci escolheu o caminho certo, prá mim sem dignidade é o corrupto que quer esconder os seus malfeitos para sempre, como este senhor aí.

Anônimo disse...

É incrível a cegueira esquerdopata.

Anônimo disse...

E tem comunistas que deseja algo de bom para o próximo? Esse aí, além de ladrão, é cubano, do serviço secreto cubano. Pode ser que ele ache que não temos história e nem propósito, mas não deve se esquecer do nosso herói que lhe acertou boas bengaladas na cabeça. Forca para esse terrorista é pouco...

Anônimo disse...

Obviamente fez corpo delito e não houve tortura alguma, se houve tortura psicológica é aquela que o próprio ser Palocci cobrava de si mesmo: Como eu pude com minhas ações insanas por poder e dinheiro prejudicar milhões de brasileiros??????? Com certeza após ter revelado todo o esquema asqueroso do quadrilhao do PT para assaltar os cofres públicos deve estar se sentido em paz e mais aliviado. A coloração embora tardia é uma saída digna para o criminoso.

Anônimo disse...

Eu responderia o zé dirceu que é melhor ser delator que traidor da Pátria,esse cidadão é lambe botas dos cubanos.

Anônimo disse...

Kkkkkkkk. Conversa para boi dormir. A Lava Jato tem todo apoio da população brasileira.

Anônimo disse...

A visão esquerdopata é diferente da visão das pessoas normais.

Anônimo disse...

Kkkkkkkkkk. Condenado sem provas??????? Rindo até depois de amanhã.

Anônimo disse...

Com certeza. Haveria de ter uma força tarefa para o julgamento destes envolvidos na operação Lava Jato tb no TRF4

Anônimo disse...

Deturpação. Pura inversão de valores. Coisa de bolivarianos a lá Maduro!

Anônimo disse...

Sem dúvida, Dirceu tem a dignidade de ser absolutamente indigno... kkkkk

Anônimo disse...

SE PALOCCI É DELATOR É PORQUE DISSE A VERDADE, A QUAL NÃO FOI CONTESTADA PELO ZÉ DIRCEU. AÍ ESTÁ MAIS UMA PROVA DO QUE DENUNCIOU PALOCCI.

Anônimo disse...

ZÉ DIRCEU DISSE QUE É PREFERÍVEL MORRER DO QUE DELATAR, ENTÃO POR QUE NÃO FICOU ATRÁS DAS GRADES? MAS PREFERIU IR PARA CASA.

Anônimo disse...

BRIGA ENTRE LADRÕES. DIRCEU NUNCA TEVE BOM RELACIONAMENTO COM PALOCCI , POIS DOIS LEÕES , OU MELHOR DOIS LADRÕES, NÃO CABEM NA MESMA TOCA .!!!

Justiniano disse...


O Zé Dirceu tá que nem piá cagado, se borrando todo, porque sabe que logo alguém vai abrir o bico e contar que foi ele que mandou matar Celso Daniel, porque era esse canalha que começou a chantagear as empresas de ônibus coletivos de Santo André e arrecadava dinheiro para o PT. Quando Celso descobriu, mandou acabar com isso e, Zé Dirceu resolveu matar, porque isso seria divulgado e dar merda para tudo que é lado pro PT.

Tem muito sangue na mão desse terrorista, tem que recolher imediatamente e apodrecer na cadeia.



Anônimo disse...

Hahaha

Anônimo disse...

Se ele prefere morrer a delatar, é pq tem algo a dizer mas prefere não fazê-lo. O que será?

Anônimo disse...

É possível. E o que será que Dirceu prefere não dizer?

Anônimo disse...

Literatura jurídica. Lembre-se.

Anônimo disse...

A farsa inclui o Geddel e os 50 pila ou só exclui o chefe supremo?

Anônimo disse...

Esse partido é composto por uma máfia, a máfia siciliana é mais honesta do que esse partido, PT. Todos, não escapa um, são bandidos, corruPTos, mau caráter, e assassinos, se tiverem que matar alguém prá proteger o chefe da quadrilha, não tem problema. Vejam o que aconteceu com Celso Daniel e o Toninho do PT, foram apagados. Pior foram as 8 testemunhas que poderiam delatar a quadrilha, morreram de morte matada.

Anônimo disse...

Analisando os comentários acima, percebe-se que a Lava Jato ainda tem muitos "desafetos" entre a gauchada. Talvez esses "desafetos" do correto Juiz Moro, preferem SER ROUBADOS que ver seus ídolos políticos SEREM PUNIDOS, apesar de comprovados delinquentes e ladrões do dinheiro público. Será que esses fanáticos pelo PT/PMDB seriam na verdade apenas simples OTÁRIOS ??? Eis uma questão que motivaria uma boa discussão ...

Anônimo disse...

Pelo contrário, o homem sabedor de sua inocência tem a dignidade de não se submeter a seus algozes. Aprenda ler e interpretar texto. Palocci se humilhou como ser humano e diz qualquer coisa, como se obriga as confissões da inquisição.

Anônimo disse...

GRANDE ENGANO E INGENUIDADE A SUA! É UM AGENTE CUBANO, É UM PORCO COMUNISTA DA MAIS ALTA PERICULOSIDADE

Anônimo disse...

GRANDE ENGANO E INGENUIDADE A SUA! É UM AGENTE CUBANO, É UM PORCO COMUNISTA DA MAIS ALTA PERICULOSIDADE

Anônimo disse...

Se fosse respeitado o devido processo legal, ou seja, primeiramente ter um juiz imparcial, que não faça parte da peça acusatória, é respeitar a lei quanto às conduções coercitivas, às prisões preventivas por tempo indeterminado, é sentenciar com base nas provas e não apenas em palavra de relatores (A lei é claríssima), é não vazar trechos estudados para fazer a opinião pública pré-julgar (aí entram os cães amestrados pela mídia), é o direito a ampla defesa, é respeitar o nosso código processual, sem trazer teorias exógenas para criar crimes inexistentes.

Anônimo disse...

Na ditadura militar também prendiam e, depois de passar um tempo no "pau de arara", sem permitir que o preso dormisse, etc. o preso entregava até a mãe, quanto mais amigos.

Alguns, como Dirceu e Dilma sobreviveram outros não aguentaram a pressão.

Qualquer semelhança é mera conhecidência.....

Anônimo disse...

Ex-agente confessa torturas a presos políticos na ditadura militar:

25/02/2014 - O GloboVeja também

A Comissão Nacional da Verdade divulgou a goto de Antônio Fernando Hughes de Carvalho foi quemComissão da Verdade confirma ex-tenente do exército como assassino de Rubens Paiva

Fusca queimado fez parte da encenação dos órgãos de repressão para uma falsa tentativa de fuga de Rubens Paiva - Militar dá nome de oficial que teria torturado Rubens Paiva.

O depoimento foi dado à Comissão da Verdade de São Paulo, por meio de convocação da Comissão Nacional da Verdade e, segundo especialistas, é de grande valor, uma vez que o ex-policial é o segundo agente da ditadura militar a admitir a tortura em depoimentos convocados pelo Estado brasileiro.

O primeiro foi o coronel Walter Jacarandá, quando este falou à Comissão da Verdade do Rio de Janeiro, admitindo de que havia participado da tortura de presos no Doi-Codi do Rio.

Manoel Lopes admitiu ouvir gritos dos torturados nas dependências do Dops, em São Paulo, que "ficavam nus em cima de latas de leite e, quando caíam, os agentes agiam".

— Quando os presos não aguentavam mais (os pés cortados pelas latas), caíam da lata e recebiam golpes — disse o ex-policial, que deixou escapar que tinha , como outros agentes , um codinome , no caso dele, de "Escrivão Pinheiro".

Manoel Lopes disse não lembrar as circunstâncias das mortes de oito militantes da Ação Libertadora Nacional (ALN), motivo pelo qual foi convocado pela comissão nacional a pedido da paulista. Mas, referindo-se aos militantes de esquerda sempre como "subversivos ", disse que ouviu gritos nas dependências do Dops em São Paulo, assim como confessou ter conhecimento da existência de instrumentos de tortura, como a chamada "cadeira do dragão", que tinha um “alto-falante tão alto que até os agentes ficavam tontos”.

Além disso, teceu elogios ao chefe do Dops na época, delegado Sergio Fleury, e o classificou como uma "pessoa antenada e enérgica, que resolvia as coisas rapidamente" (...)
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Esse "confessou" em audiencia pública voluntariamente, sem estar preso provisoriamente por dois anos, após confessor votou para o conforto do lar sem ser importunado....

Anônimo disse...

Quais foram as torturas utilizadas na época da ditadura militar no Brasil?

19 ago 2016 - Mundo Estranho

Uma pesquisa coordenada pela Igreja Católica com documentos produzidos pelos próprios militares identificou mais de cem torturas usadas nos “anos de chumbo” (1964-1985). Esse baú de crueldades, que incluía choques elétricos, afogamentos e muita pancadaria, foi aberto de vez em 1968, o início do período mais duro do regime militar (...)


Cadeira do dragão:
Nessa espécie de cadeira elétrica, os presos sentavam pelados numa cadeira revestida de zinco ligada a terminais elétricos. Quando o aparelho era ligado na eletricidade, o zinco transmitia choques a todo o corpo. Muitas vezes, os torturadores enfiavam na cabeça da vítima um balde de metal, onde também eram aplicados choques

Pau-de-arara: É uma das mais antigas formas de tortura usadas no Brasil – já existia nos tempos da escravidão. Com uma barra de ferro atravessada entre os punhos e os joelhos, o preso ficava pelado, amarrado e pendurado a cerca de 20 centímetros do chão. Nessa posição que causa dores atrozes no corpo, o preso sofria com choques, pancadas e queimaduras com cigarros

Choques elétricos: As máquinas usadas nessa tortura eram chamadas de “pimentinha” ou “maricota”. Elas geravam choques que aumentavam quando a manivela era girada rapidamente pelo torturador. A descarga elétrica causava queimaduras e convulsões – muitas vezes, seu efeito fazia o preso morder violentamente a própria língua

Espancamentos: Vários tipos de agressões físicas eram combinados às outras formas de tortura. Um dos mais cruéis era o popular “telefone”. Com as duas mãos em forma de concha, o torturador dava tapas ao mesmo tempo contra os dois ouvidos do preso. A técnica era tão brutal que podia romper os tímpanos do acusado e provocar surdez permanente

Soro da verdade: O tal soro é o pentotal sódico, uma droga injetável que provoca na vítima um estado de sonolência e reduz as barreiras inibitórias. Sob seu efeito, a pessoa poderia falar coisas que normalmente não contaria – daí o nome “soro da verdade” e seu uso na busca de informações dos presos. Mas seu efeito é pouco confiável e a droga pode até matar

Afogamentos: Os torturadores fechavam as narinas do preso e colocavam uma mangueira ou um tubo de borracha dentro da boca do acusado para obrigá-lo a engolir água. Outro método era mergulhar a cabeça do torturado num balde, tanque ou tambor cheio de água, forçando sua nuca para baixo até o limite do afogamento

Geladeira: Os presos ficavam pelados numa cela baixa e pequena, que os impedia de ficar de pé. Depois, os torturadores alternavam um sistema de refrigeração superfrio e um sistema de aquecimento que produzia calor insuportável, enquanto alto-falantes emitiam sons irritantes. Os presos ficavam na “geladeira” por vários dias, sem água ou comida.

Anônimo disse...

TIPOS DE TORTURAS USADAS DURANTE A DITADURA MILITAR:

ALUIZIO PALMAR IN TORTURADORES: 29 Jan 2012

Vários membros da força policial brasileira e militares foram treinados por especialistas em tortura que vieram para o Brasil com o objetivo de difundir os métodos e meios de interrogatório compilados pela CIA. Foi o caso do conhecido Dan Mitrione. (...)

1- Pau-de-Arara: O Pau-de-Arara consistia numa barra de ferro que era atravessada entre os punhos amarrados e a dobra do joelho, sendo o conjunto colocado entre duas mesas, ficando o corpo do torturado pendurado a cerca de 20 ou 30 centímetros do solo. Este método quase nunca era utilizado isoladamente, seus complementos normais eram eletrochoques, a palmatória e o afogamento.

2- Choque Elétrico: O Choque Elétrico foi um dos métodos de tortura mais cruéis e largamente utilizados durante o regime militar. Geralmente, o choque dado através telefone de campanha do exército que possuía dois fios longos que eram ligados ao cor­po nu, normalmente nas partes sexuais, além dos ouvidos, dentes, língua e dedos. O acusado recebia descargas sucessivas, a ponto de cair no chão.

3- Pimentinha: A Pimentinha era uma máquina que era constituída de uma caixa de madeira que, no seu interior, tinha um ímã permanente, no campo do qual girava um rotor combinado, de cujos termi­nais uma escova recolhia corrente elétrica que era conduzida através de fios. Essa máquina dava choques em torno de 100 volts no acusado.

4- Afogamento: No Afogamento, os torturadores fechavam as narinas do preso e colocavam uma mangueira, toalha molhada ou tubo de borracha dentro da boca do acusado para obrigá-lo a engolir água. Outro método era mergulhar a cabeça do torturado num balde, tanque ou tambor cheio de água (ou até fezes), forçando sua nuca para baixo até o limite do afogamento.

5- Cadeira do Dragão: A Cadeira do Dragão era uma espécie de cadeira elétrica, onde os presos sentavam pelados numa cadeira revestida de zinco ligada a terminais elétricos. Quando o aparelho era ligado na eletricidade, o zinco transmitia choques a todo o corpo. Muitas vezes, os torturadores enfiavam na cabeça da vítima um balde de metal, onde também eram aplicados choques.

6- Geladeira: Na Geladeira, os presos ficavam pelados numa cela baixa e pequena, que os impedia de ficar de pé. Depois, os torturadores alternavam um sistema de refrigeração superfrio e um sistema de aquecimento que produzia calor insuportável, enquanto alto-falantes emitiam sons irritantes. Os presos ficavam na “geladeira” por vários dias, sem água ou comida.

7- Palmatória: A Palmatória era como uma raquete de madeira, bem pesada. Geralmente, esta instrumento era utilizado em conjunto com outras formas de tortura, com o objetivo de aumentar o sofrimento do acusado. Com a palmatória, as vítimas eram agredidas em várias partes do corpo, principalmente em seus órgãos genitais.

8- Produtos Químicos: Haviam vários Produtos Químicos que eram comprovadamente utilizados como método de tortura. Para fazer o acusado confessar, era aplicado soro de pentatotal, substância que fazia a pessoa falar, em estado de sonolência. Em alguns casos, ácido era jogado no rosto da vítima, o que podia causar inchaço ou mesmo deformação permanente.

9- Agressões Físicas: Vários tipos de Agressões Físicas eram combinados às outras formas de tortura. Um dos mais cruéis era o popular “telefone”. Com as duas mãos em forma de concha, o torturador dava tapas ao mesmo tempo contra os dois ouvidos do preso. A técnica era tão brutal que podia romper os tímpanos do acusado e provocar surdez permanente.

10- Tortura Psicológica: De certa forma, falar de Tortura Psicológica é redundância, considerando que toda o tipo de tortura deixa marcas emocionais que podem durar a vida inteira. Porém, haviam formas de tortura que tinha o objetivo específico de provocar o medo, como ameaças e perseguições que geravam duplo efeito: fazer a vítima calar ou delatar conhecidos.

FONTE: http://www.historiadigital.org/historia-do-brasil/brasil-republica/ditadura-militar/10-torturas-da-ditadura-militar/

Anônimo disse...

Palocci era o queridinho da Globo e dos banqueiros, quando falou em contar sobre eles o Moro disse ser chantagem. Agora falar sobre o Lula dispensaprovas e qualquer coisa vale. Pode ser inteligente, mas está um farrapo humano e não salva sua biografia, pelo contrário a suja por se render, por se deixar subjugar e dizer o que os algozes desejam.

Anônimo disse...

Autor do áudio contra Lula devia ser preso!
Por Altamiro Borges

Nesta sexta-feira (8), um áudio de uma suposta conversa entre Lula e o ex-presidente nacional do PT, Rui Falcão, agitou as redes sociais. Os “coxinhas” da internet ficaram superexcitados, espalhando a mentira sem qualquer sentimento de culpa – coisa típica dos fascistas. No áudio, o líder petista se queixa do depoimento do trânsfuga Antonio Palocci ao "justiceiro" Sergio Moro e chega a insinuar que ele deveria ser assassinado. A produção é profissional, com o uso de uma voz rouca parecida com a de Lula e muitos palavrões. A farsa, porém, logo foi desmascarada. Até o portal G1, da golpista e inescrupulosa Rede Globo, foi forçado a reconhecer:

“Um áudio acompanhado de uma mensagem que diz que o ex-presidente Lula foi grampeado falando ao telefone com o ex-presidente do PT sobre o depoimento dado por Antonio Palocci ao juiz Sérgio Moro tem bombado nas redes, principalmente no WhatsApp. Mas a voz não é de Lula. A mensagem tem logo em seu enunciado um equívoco, ao dizer que o diálogo foi travado ‘no momento da notícia da delação do Palocci’. O ex-ministro de Dilma e Lula ainda não fechou um acordo de colaboração premiada, apesar de ter sinalizado a intenção de negociar um... No falso áudio, o homem que tenta simular a voz do ex-presidente se mostra alterado e diz que ‘ninguém teve a competência e a coragem de acabar com esse cara [Palocci]’”.

Apesar da farsa já ter sido comprovada, não se deve contemporizar com mais este crime cibernético. Várias mensagens mentirosas têm sido divulgadas por grupelhos de extrema-direita no país, como o Movimento Brasil Livre (MBL) e o Revoltados Online. Com muita grana e profissionais bem pagos, estas postagens enganam milhares de pessoas com pouco senso crítico e cérebro pouco desenvolvido. Elas estimulam o clima de ódio fascista e irracional no Brasil. Os criminosos responsáveis deveriam ser duramente punidos. A Polícia Federal tem as condições técnicas para descobrir os autores destes crimes. A questão é: será que está disposta a realizar esta tarefa indispensável à democracia e à paz na sociedade brasileira. A conferir!

Anônimo disse...

Dirceu disse que preferia morrer a ter que inventar mentiras que incriminem Lula só porque é isso que seus torturadores querem ouvir. Entendeu?

Anônimo disse...

O SUL DO BRASIL E O ESTADO DE SÃO PAULO SÃO OS CULPADOS PELA DESGRAÇA DO BRASIL.COM SUA ARROGANCIA E DESRESPEITO AOS OUTROS ESTADOS BRASILEIROS. E QUERENDO SER ARIANOS- ALEMÃES OU BRANCOS NORTE-AMERICANOS......MAS SÃO -CHAMADOS NA EUROPA E EUA DE OS LATRINOS.OS MESTIÇOS,.

Anônimo disse...

DESDE QUANDO ESQUERDISTAS TEM ALGUMA DIGNIDADE?
E DESDE QUANDO DIRCEU VIROU ESPOSINHA NA CADEIA?

jorge.alves ribeiro disse...

Você é um safado miserável, Zé Dirceu, deveria estar na cadeia por anos e anos, mas graças esses ministros do STF, vc continua fazendo das suas, nesse país onde bandidos tem vez.

Anônimo disse...

Desde quando ladrão e assassino tem dignidade???

Anônimo disse...



Traidor do povo brasileiro ...

Anônimo disse...

O Zé Dirceu não tem mais nada para acrescentar. Ou está se fazendo de songa-monga, quieto que nem guri cagado. A não ser que seja sobre o Celso Daniel. Pois é...

Anônimo disse...

este condenado foi solto é um escarnio ele disse que iria incendiar o pais é e continua lindo leve e solto morando no luxo - nojeira pura disto tudo os demais presos como ele pelo pais nao foram soltos apenas ele= é protegido pelo stf a lava jato prende e o stf solta estamos d olho e nossa paciencia ta no fim

Anônimo disse...

guerrilheiro do inferno este é um bandido condenado

PT PAGOU 6 MILHOES PRA LULA DIRCEU E CARVALHO FICAREM ISENTOS DA MORTE DE CELSO DANIEL - MATERIA SAIU NA VEJA D SETEMBRO DE 2014

Anônimo disse...

Seboso, cínico e hipócrita, um legítimo psicopata.

Anônimo disse...

Como? Perder a dignidade?
Ora, Zé Dirceu!
É impossível perder o que você não tem, Zé Dirceu!
Não minta, Zé Dirceu!

Anônimo disse...

CELSO DANIRL PREFEITO DO PT EM SANTO ANDRE IRIA ABIR A BOCA E CONTAR SOBRE CRIMES DO PT MAS NAO DEU TEMPO FOI SEQUESTRADO TORTURADO E MORTO BRUTALMENTE A BOCA FOI ARREBENTADA SEU CORPO FOI JOGADO COMO LIXO NA ESTRADA SEU IRMAO DISSE QUE ELE VINHA SENDO AMEAÇADO, OUTRO PREFEITO MORTO EM IGUAIS CONDIÇOES COM DIFERENÇA DE 4 MESES FOI O TONINHO DO PT DE CAMPINAS UMA IMPORTANTE CIDADE TAMBEM DE SAO PAULO ATE HOJE NAO DEU EM NADA... ALEM DE 7 TESTEMUNHAS DO ASSASSINATO DE CELSO DANIEL Q FORAM BRUTALMENET ASSASSINADAS INCLUSIVE O MEDICO LEGISLTA O GARÇOM Q OUVIU A ULTIMA CONVERSA ...... E NAO DEU EM NADA ATE HOJE
BUNLAI AMIGO INTIMO DE LULA QUE TINHA LIVRE ACESSSO AO SEU GABINETE NOS 9 ANOS FOI CONDENADO PELO EMPRESTIMO FRAUDULENTO DE 12 MILHOES E DISSE A JUSTIÇA QUE 6 MILHOES FORAM PRO PT DE SANTO ANDRE PAGAR CHANTAGISTAS E 6 MILHOES PRO PT DE SANTO ANDRE===
JUSTAMENTE os lugares onde os 2 prefeitos do pt foram assassinados a revista veja disse ha anos que pt pagou 6 milhoes pra lula dirceu e carvalho ficarem isentos da morte de celso daniel

o pais quer justiça e saber quem mandou matar todos estes só ai sao 9 pessoas assassinadas

Anônimo disse...

OLHA O PELEGO AI EM CIMA ATACANDO A JUSTIÇA. DEIXE D SER MENTIROSO SEU COVARDE ESCONDIDO ATRAS DO COMPUTADOR, QUEM DISSE QUE É O JUIZ MORO QUE TRATA DE DELAÇOES . AS DELAÇAOES SAO COM OS ADVOGADOS DO DELATOR E OS PROCURADORES ENTENDEU É O JUIZ APENAS JULGA QUEM É MANDADO P ELE, O DIRCEU DISSE QUE QUER FAZER DELAÇAO E ISTO VAI SER TRATADO COM OS ADVOGADOS E NAO COM O JUIZ- O LULA JA ERA- DESISTA DE ESPERNEAR

Anônimo disse...

BILHETERIA APONTA PARA FRACASSO DE FILME SOBRE A LAVA JATO:

Estréia do filme "Polícia Federal - A lei é para todos", sobre a Operação Lava Jato, no dia 7 de setembro, foi marcada pelo silêncio nas redes sociais e na imprensa; segundo informações preliminares, a bilheteria deste fim de semana prolongado promete um retumbante fracasso; película não conseguiu público nem mesmo em Curitiba, focos dos processos da Lava Jato; filme, que estreou em 16 salas da capital paranaense, contou com uma média de apenas 60 pessoas por sessão.

9 DE SETEMBRO DE 2017

Sputnik - A estréia do polêmico filme sobre a Operação Lava Jato, no dia 7 de setembro, foi marcada pelo silêncio nas redes sociais e na imprensa. Segundo informações preliminares, a bilheteria deste fim de semana prolongado promete um retumbante fracasso.
Segundo o jornal paranaense Gazeta do Povo, o filme estreou em 16 salas de Curitiba e contou com uma média de 60 pessoas por sessão, "sem a lotação esperada".

Parece que, neste caso, considerando as últimas reviravoltas da política brasileira, a vida tem sido bem mais interessante, do que a sua dramatização, mesmo com toda a propaganda da "Lava Jato – Polícia Federal, a lei é para todos".

​Parece que mesmo a internet, sempre rápida em proporcionar um impressionante volume de comentários e conteúdos, teve dificuldade em reagir à peça, acusada de propaganda política por uns, e comemorada por outros.

De todo modo, o fraco desempenho da película nos cinemas foi notado, por enquanto, com bastante parcimônia. (...)

Rigor Crítico disse...

José Dirceu traiu (= é mui pior que delatar) Lula quando deixou (= não impediu com presteza) o R. Jefferson denunciar o Mensalão. JD sabia que Lula não tinha condições emocionais (= cinismo e frieza de bandido) para fazer a nação admitir que procedera correto no propósito de conter o reacionarismo, os inimigos do povo. JD deveria ter peitado (= reduzir a peão, da senzala) o Lula e assumido nos bastidores o poder. JD deveria ter agido no ano de 2005 com a energia/fúria (= ideologia do castrismo) com que atualmente o Temer se defende (= ideologia da corrupção) para permanecer no poder. O Zé amarelou em 2005 e deixou o Lula por si só (= extraviado de mente).

Anônimo disse...

KKK BATEU o desespero do morimbundo pt estao atacando o janot e o paloffffffi agora, hahah esqueceram que palofffi é o braço do lula foi um dos fundadores do pt é amigo intimo d lula e ele que ajudou bandilma com grana suja na campanha é assim age esta qquadrilha quando sao seus sao os tais mas quando caem fora sao atacados e chamados de mentirosos, é ainda bem q este partido das trevas foi abatido - quadrilha do inferno antro de ladroes ratazanas roubaram e vivem no luxo = amam a riqueza hoteis, viagens pelo mundo, limosines, dilma se hospedava com a filha nos hoteis mais caros suites de 30 mil a diaria, bebidas caras é e o lula só tem bedidas caras a adega dele é um das mais completas do mundo o sitio dele vale mais de 6 milhoes mora em 2 coberturas luxuosas predio enorme q deixa os outros no chinelo

-----lula movimentou 52 milhoes de suas contas a policia mandou o material p curitiba- materia está blog no imprensa viva

Anônimo disse...

pare de repetor asneiras o pelgo pago ai de cima todos comentarios ai sao seus= deixe d ser sujo o teu chefe é um ladrao condenado e voce deve ganhar p estar aqui postamdo mentiras e ataques a justiça nao nega q á bandido pois apenas bandidos atacam a juastiça se tem como provar que p inocente porque nao prova- hahha cai fora bobao todos entregaram lula ate os marqueteiros dele - entendeu ou quer q desenhe ele ta la no luzo nem sabe q vc existe a familia dele nada na grana sao milionarios sairam até na revista forbes pois sao donos de uma das maiores fortunas do pais o proprio jurista helio bicudo um dos fundadores do pt CAIU FORA DO PT HA ANOS POIS VIU QUE LULA E SEUS FILHOS ESTAVAM MILIONARIOS

Rigor Crítico disse...

José Dirceu afirmou assim: "Só luta por uma causa quem tem valor. Os que brigam por interesse têm preço.... Mas prefiro morrer que rastejar e perder a dignidade". Peraí meu! Caso fosse verdade então JD deveria ter colocado o Lula no escanteio e assumido o poder em 2005 diante das ameaças veladas (= denunciar compra de aliados) do deputado R. Jefferson. O erro crasso (= dormiu no ponto, se acovardou) foi Zé Dirceu desconsiderar a sua inseparável desconfiança a respeito da sanidade de mente política do Lula. Portanto o Dirceu NÃO LUTOU EM DEFESA DE SEUS IDEIAIS IDEOLÓGICOS. Deixar para Lula os rolos e broncas foi suicídio político que foi o mesmo que "rastejar e perder a dignidade". Muito antes do Palocci/2017 se deu com José Dirceu de errar feio em 2005 devido as maiores/inimagináveis consequências negativas/destrutivas às causas de suas lutas e ambições e orgulhos e compromissos internacionais. Na real o JD traiu o esquerdismo/bolivarismo.

Anônimo disse...

Relembrando "Operação Abafa" em 1997:

09/09/2017 - Enviado por Webster Franklin

Publicação de José Carlos Almeido

Em página do Facebook

O GLOBO
Segunda-feira, 19 de maio de 1997

Bastou o presidente Fernando Henrique Cardoso entregar os ministérios dos Transportes e da Justiça para Eliseu Padilha e Íris Resende e os peemedebistas fizeram as pazes com o governo. O Presidente da Camara Michel Temer (PMDB-SP), Eliseu e o líder do PMDB na Camara, Geddel Vieira Lima (BA) fecharam neste final de semana a estratégia de abafar o escândalo das denuncias de compra de votos na votação da rereiçã.

20 ANOS DEPOIS.....

Só lembrando, para aqueles que ainda insistem que a corrupção é um adolescente de 12, 13, 14 anos...

Anônimo disse...

Se falar morre. Este é treinado por comunistas para sofrer na carne(podre)

Anônimo disse...

STF arquiva inquérito contra Dilma, Cardozo e ministros do STJ:

09/09/2017 - Brasil 247

Ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, determinou o arquivamento do inquérito aberto contra a presidente deposta Dilma Rousseff, o ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo e os ministros do Superior Tribunal de Justiça Francisco Falcão e Marcelo Navarro; Fachin atendeu a pedido formulado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot; eles foram acusados pelo ex-senador Delcídio do Amaral de tentar interferir na Lava Jato por meio da nomeação do ministro Navarro para o STJ em 2015; Fachin ressaltou que o arquivamento foi feito devido a ausência de provas (...)

Anônimo disse...

AULER APONTA COMO AS DELAÇÕES VIRARAM A PANACEIA DA LAVA JATO:

REUTERS/Rodolfo Buhrer
Mecanismo da delação premiada, criado para ser um instrumento auxiliar em investigações "a partir da experiência da Operação Lava Jato, se tornou uma verdadeira "panaceia"', diz o jornalista Marcelo Auler; o que deveria ser um "indício", para o devido aprofundamento da investigação, passou a ser visto como prova; a palavra de um delator, que a princípio merece ser colocada em dúvida, ganha ares de verdade, inclusive para jornalistas", destaca; "Mas, a imparcialidade ao que parece anda em falta desde que a Operação Lava Jato caiu nas graças da grande mídia e do antipetismo de uma maneira em geral", destaca

9 DE SETEMBRO DE 2017

247 - O mecanismo da delação premiada, criado para ser um instrumento auxiliar em investigações "a partir da experiência da Operação Lava Jato, se tornou uma verdadeira "panaceia"', diz o jornalista Marcelo Auler. "O que, como ministros do próprio Supremo Tribunal Federal (STF) já definiram, deveria ser um "indício", para o devido aprofundamento da investigação, passou a ser visto como prova; a palavra de um delator, que a princípio merece ser colocada em dúvida, ganha ares de verdade, inclusive para jornalistas", destaca.

"Ela faz parte de um jogo em que retém o, às vezes, ainda suspeito, não por atender as exigências dos códigos legais, em benefício da investigação ou na defesa da sociedade. Mas pela necessidade de se conseguir de forma mais rápida – o tal "braço-da-preguiça" – algo que permita confirmar uma tese anteriormente levantada. A partir de então, pouco importa se o que o delator disse faz ou não sentido. Seja o que for, a delação passa a ter fundo de verdade", ressalta

Para ele, "se for verdade o que disse Antônio Palocci ao juiz Moro, este só deveria, de imediato, tomar uma urgente providência: solicitar ao Supremo Tribunal Federal que anule a delação feita pelos Odebrechts e os diretores do grupo empresarial de mesmo nome. Afinal, o ex-ministro da fazenda de Lula revelou reuniões das quais teriam participado Emilio e/ou Marcelo Odebrecht, que não constam do que os dois – bem como os demais diretores da empresa – delataram "espontaneamente" à PGR. Nenhum deles falou em "pacto de sangue" entre Emílio e Lula", avalia. "Ou Moro não pretende questionar a veracidade da delação que beneficiou pai e filho?", questiona.

Para Auler, os últimos desdobramentos acerca das delações premiadas do empresário Joesley batista e do executivo da JBS Ricardo Saud colocam novas "dúvidas e questionamentos com relação à delação de Joesley Batista, da JBS. Dela surge a certeza que Janot agiu açodadamente na expectativa de pegar o presidente Michel Temer. Pode ter lhe beneficiado, mesmo se sabendo que de inocente o atual presidente não tem nada", diz o jornalista.

"Mas, a imparcialidade ao que parece anda em falta desde que a Operação Lava Jato caiu nas graças da grande mídia e do antipetismo de uma maneira em geral. A começar pela própria Procuradoria Geral da República que, no papel de fiscal da lei e tendo a função de exercer o controle externo da Polícia, não exerceu nenhum dos dois papéis", observa. (...)

Anônimo disse...

AULER APONTA COMO AS DELAÇÕES VIRARAM A PANACEIA DA LAVA JATO:

REUTERS/Rodolfo Buhrer
Mecanismo da delação premiada, criado para ser um instrumento auxiliar em investigações "a partir da experiência da Operação Lava Jato, se tornou uma verdadeira "panaceia"', diz o jornalista Marcelo Auler; o que deveria ser um "indício", para o devido aprofundamento da investigação, passou a ser visto como prova; a palavra de um delator, que a princípio merece ser colocada em dúvida, ganha ares de verdade, inclusive para jornalistas", destaca; "Mas, a imparcialidade ao que parece anda em falta desde que a Operação Lava Jato caiu nas graças da grande mídia e do antipetismo de uma maneira em geral", destaca

9 DE SETEMBRO DE 2017

247 - O mecanismo da delação premiada, criado para ser um instrumento auxiliar em investigações "a partir da experiência da Operação Lava Jato, se tornou uma verdadeira "panaceia"', diz o jornalista Marcelo Auler. "O que, como ministros do próprio Supremo Tribunal Federal (STF) já definiram, deveria ser um "indício", para o devido aprofundamento da investigação, passou a ser visto como prova; a palavra de um delator, que a princípio merece ser colocada em dúvida, ganha ares de verdade, inclusive para jornalistas", destaca.

"Ela faz parte de um jogo em que retém o, às vezes, ainda suspeito, não por atender as exigências dos códigos legais, em benefício da investigação ou na defesa da sociedade. Mas pela necessidade de se conseguir de forma mais rápida – o tal "braço-da-preguiça" – algo que permita confirmar uma tese anteriormente levantada. A partir de então, pouco importa se o que o delator disse faz ou não sentido. Seja o que for, a delação passa a ter fundo de verdade", ressalta

Para ele, "se for verdade o que disse Antônio Palocci ao juiz Moro, este só deveria, de imediato, tomar uma urgente providência: solicitar ao Supremo Tribunal Federal que anule a delação feita pelos Odebrechts e os diretores do grupo empresarial de mesmo nome. Afinal, o ex-ministro da fazenda de Lula revelou reuniões das quais teriam participado Emilio e/ou Marcelo Odebrecht, que não constam do que os dois – bem como os demais diretores da empresa – delataram "espontaneamente" à PGR. Nenhum deles falou em "pacto de sangue" entre Emílio e Lula", avalia. "Ou Moro não pretende questionar a veracidade da delação que beneficiou pai e filho?", questiona.

Para Auler, os últimos desdobramentos acerca das delações premiadas do empresário Joesley batista e do executivo da JBS Ricardo Saud colocam novas "dúvidas e questionamentos com relação à delação de Joesley Batista, da JBS. Dela surge a certeza que Janot agiu açodadamente na expectativa de pegar o presidente Michel Temer. Pode ter lhe beneficiado, mesmo se sabendo que de inocente o atual presidente não tem nada", diz o jornalista.

"Mas, a imparcialidade ao que parece anda em falta desde que a Operação Lava Jato caiu nas graças da grande mídia e do antipetismo de uma maneira em geral. A começar pela própria Procuradoria Geral da República que, no papel de fiscal da lei e tendo a função de exercer o controle externo da Polícia, não exerceu nenhum dos dois papéis", observa. (...)

Anônimo disse...

Lava Josta é puxa saco do psdb!Bivem festas do psdb dando suas risadas!

Anônimo disse...


Dirceu queria que Palocci se sacrificasse pelo projeto de poder do PT?
Que Palocci se desse em sacrifício por uma causa totalmente equivocada e perdida?
Dirceu é esperto. Jé está com o futuro garantido e sabe que seu maior patrimônio é continuar bancando o herói.

Anônimo disse...

Nossa esquerda acabou, mas temos que por nos eixos todos os cegos adoradores desta seita de fanáticos religiosos. Dirceu disse prefere morrer à delatar, se tem palavra empresto para ele uma faca para fazer haraquiri, mas duvido que tenha coragem! Tchau queridas!

Anônimo disse...

Dallagnol e Carlos Fernando Lima, da Lava Jato, devem sair para o Senado em 2018:

9 setembro 2017 - DCM

Os procuradores Deltan Dallagnol e Carlos Fernando Lima, duas das estrelas da Lava Jato, estão no final das negociações para sair como candidatos pelo Paraná.

Eles analisam se saem ambos para senador, disputando com Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB). Outra opção é Lima para deputado.

O convite é de Álvaro Dias, do Podemos. A justificativa da dupla para virar políticos de verdade todo mundo sabe: “A Lava Jato tem que ficar viva e vamos combater a corrupção por dentro”.

Anônimo disse...

DESAFIO qualquer um dos "inteligentes e politizados cidadões de direita" que acima só falam mal da esquerda, chamam de esquerdopatas, etc., a listar uma prova dos crimes do Dirceu.
Não vale fulano falou somente, tem que ter provas.
Sei que não vai vir nada concreto, só boataria espalhada pela Globo pra adestrar vocês... MAS ESTOU NO AGUARDO, SE VOCÊS TEM VERGONHA NA CARA DEFENDEM O QUE SABE SER JUSTO. SERÁ QUE TEM???
Obs.: Desafio vale para esse tal blogueiro Polibio também.

Anônimo disse...

Além de lula tem outros encantadores de burros bolivarianos.