Preços de imóveis residenciais ficaram praticamente estáveis em julho, diz Fipe/Zap

Os preços de imóveis residenciais brasileiros ficaram praticamente estáveis na passagem de junho para julho, ao apresentarem ligeira queda nominal de 0,15%, de acordo com os dados divulgados ontem pela Fipe em parceira com a empresa de busca eletrônica Zap, em pesquisa realizada em 25 cidades do País. A queda do índice refletiu o recuo dos preços em 15 cidades, com destaque para o Rio de Janeiro (-0,53%) e o Distrito Federal (-0,47%). Por outro lado, as maiores altas foram registradas em Florianópolis (0,65%), Praia Grande (0,58%) e Recife (0,37%). Já em São Paulo, os preços ficaram estáveis em julho, mantendo a tendência observada nos dois meses anteriores. 

Os preços de imóveis residenciais deem seguir praticamente estáveis nos próximos meses, diante do ajuste em curso dos estoques e da retomada gradual das vendas dos imóveis.

Nenhum comentário: