Valter Nagelstein é agredido, reage e esbofeteia servidor que o ofendeu na Smurb

O vereador é conhecido pelo trato educado, mas também pelo temperamento sanguíneo quando provocado. Na foto, com a família.

O presidente da Câmara de Porto Alegre, Valter Nagelstein, está neste momento na 2a. Delegacia de Polícia, onde registra Boletim de Ocorrência contra servidor José Augusto Marchand, municipal da Smurb, a secretaria municipal de Urbanismo, que o agrediu, foi repelido e acabou apanhando. Nagelstein foi secretário da Smurb.

O servidor cobrou em altos brados a posição do peemedebista, empurrou-o, tentou acertá-lo com socos e chutes, mas foi contido pelo próprio vereador, que acabou neutralizando-o. No dia anterior ele já tinha postado críticas ao peemedebista nas redes sociais.

O vereador do PMDB tem sido ameaçado desde quarta-feira, quando votou pela elevação da alíquota de previdência dos municipários. Na quarta-feira, dirigentes do Psol e do Simpa, o Sindicato dos Municipários, conduziram invasão violenta do plenário da Câmara, quebraram móveis, impediram o prosseguimento da sessão e ameaçaram espancar os vereadores, inclusive Nagelstein. Todos acabaram expulsos.