CGU bate recorde de punições a servidores públicos em 2014

A CGU bateu recorde de punição de servidores públicos em 2014, afastando 550 servidores, por demissão, destituição do cargo ou cassação de aposentadorias. Em 2013, foram 528. Dos punidos em 2014, 365 foram por corrupção.

O Ministério da Previdência concentra a maioria dos demitidos: 160 casos, seguido da Educação, com 99, e da Justiça, com 67.

Um comentário:

Anônimo disse...

A Escola Petralha plantou e os frutos já estão sendo colhidos.