Noblat compara Dilma a Eike e Demóstentes Torres. "São todos fake", diz o jornalista.

Colunista chama de "símbolos duvidosos" personalidades como o empresário Eike Batista, visto como o exemplo da ascensão empresarial, o ex-senador de Goiás Demóstenes Torres, de respeito à ética, e a presidente Dilma Rousseff de gestora bem-sucedida; segundo ele, "somente Lula enxergou em Dilma as qualidades que ela não tem.

CLIQUE AQUI para ler. 

9 comentários:

Anônimo disse...

O cara era apresentado pelo governo (Lula e Dilma)como exemplo de empresário bem sucedido, que servia de vitrine para os feitos dos governos petistas. Agora vê-se o tamanho do engôdo. Como o governo irá conviver com tamanho mico? Este pessoal todo que embarcou nessa é o mesmo que toca a economia do país? Acordem apoiadores pois os próximos enganados podem ser vcs.

Anônimo disse...


Pois é, que faliu uma lojinha de 1,99 aqui em Porto Alegre hoje "preside" o País.

O Lulla não sabia....

Anônimo disse...

O Lula considerava nossa governANTA como uma grande gestora porque essa louca mal-educada tratava os que realmente trabalhavam no governo aos gritos. Por isso achava competente. Grande gerente. Também com o nível de estudos do novededos, esta é a capacidade de avaliação que dispunha. Salve o grande doutor honoris causa.

Anônimo disse...

Polibio, acabo de assistir, no programa, do RMP, o DADÁ MARAVILHA, ele deu nota 10 ao Presidente Médici, fantástico a coragem verdadeira desse grande herói Brasileiro, que disse também que o Brasil hoje e uma verdadeira bagunça, nada como a simplicidade,os blogs petralhas vão tentar detonar o Grande DADÁ Beija-flor.

Nádia disse...

..

Uai... que que deu em Noblat?

Deve ter saído resultado de alguma coisa que não foi bem..
Noblat é base aliada.. Será que entrou definitivamente
para campanha pró lulla?
Afinal tem base aliada e base aliada do "aliado",
e esta,
se definindo cada vez mais...

..

Anônimo disse...

Rodrigo de Grandis, o caçador, agora é caça:

Procurador Rodrigo de Grandis, que deveria investigar casos de corrupção e engavetou apuração contra a Alstom, já é formalmente investigado; corregedoria do Conselho Nacional do Ministério Público abriu ainda uma representação disciplinar contra o promotor de Justiça de São Paulo Silvio Marques, responsável pelo caso na esfera estadual, depois de receber informações adicionais dos deputados estaduais Luiz Claudio Marcolino (PT-SP) e Antônio Mentor (PT-SP); parlamentares pedem afastamento de Grandis

Rodrigo de Grandis, que deveria investigar casos de corrupção, virou caça da corregedoria do Conselho Nacional do Ministério Público. O órgão recebeu hoje informações adicionais sobre o episódio que trata do engavetamento do caso Alstom e o pedido de afastamento do procurador da República do Estado de São Paulo.

De Grandis alegou "falha administrativa" por não atender a um pedido de procuradores suíços sobre a investigação que envolve pagamento de propina da Alstom e outras empresas a políticos do PSDB. Os deputados estaduais Luiz Claudio Marcolino (PT-SP) e Antônio Mentor (PT-SP) também pedem investigação contra o promotor do caso Silvio Marques, que também se tornou alvo de um processo disciplinar da corregedoria.

Anônimo disse...

O editor não tem capacidade pra um escrever um relés artiguinho, por isso passa o dia inteiro reproduzindo os textinhos do Reinaldo, Noblat, Merval, Augustinho.

Anônimo disse...

O editor é um fanfarrao! Cansou de elogiar o demostenes neste blog. Sempre falou maravilhas do eike. O editor esquece que seus escritos estao na web. Oooo editor pede para seu consultor de internet apagar suas asneiras! Apesar que ele deve ser meio fraco, pois a configuracao deste blog eh coisa de amador.

Anônimo disse...

Como o editor & afins se contradizem. Elogiavam o Eike, o ex-Senador Cassado do DEMOs, DEMOstenes Torres e sempre deram pau no lula.