Gaúcha Superlegal une-se a mais três para enfrentar a gigante de brinquedos da Carlyle

A gaúcha Superlegal Brinquedos, a brasiliense Ciatoy e as paulistas  Balão Mágico e Brinquedos Hora, além da cearense Planeta Brinquedos, resolveram unir-se para enfrentar a disputa com as duas gigantes que resolveram fazer fusão dos seus varejos, no caso a RiHappy e a PBKids (elas foram compradas pelo fundo de private equity americano Carlyle).

. A empresa resultante da fusão de agora fatura R$ 200 milhões por ano. 

Nenhum comentário: