Governador de Nova York é acusado de abuso sexual por ex-assessora

O governador democrata de Nova York, nos EUA, Andrew Cuomo, abriu uma investigação independente após o jornal The New York Times divulgar reportagem em que Charlotte Bennett, ex-assessora em seu gabinete, o acusa de assedio sexual e conduta imprópria. As informações são do JC. 

Andrew Cuomo negou todas as acusações e disse que nunca agiu de maneira imprópria com Bennett ao anunciar Barbara Jones, ex-juíza federal dos Estados Unidos, para conduzir a apuração dos fatos relatados. 

"Peço a todos os nova-iorquinos que esperem o resultado da investigação antes de fazer qualquer julgamento'', disse

12 comentários:

José Corrêa disse...

Sobre as milhares de mortes de idosos que causou com sua decisão de mandá-los para asilos elle nada diz!!!

Autêntico eskerdoPaTa!!!

Unknown disse...

O caos no RS e preocupado com NovaYork? Sonegar e não noticiar o crime deste canalha e seu escudeiro ministro da saúde. Abandonou o povo a própria forte e continua debochando do vírus. Bolsonerus infectus o Jim Jones brasileiro.

Anônimo disse...

Se vc for do partido democrata ta liberado ser abusador, estripados etc..

Anônimo disse...

Não duvido de nada desse desgovernador de NY, adepto dos Antifas, BLM e do lokdown.

Anônimo disse...

É de esquerda, não precisa investigar, é inocente e Lulu livre.

João Bucecha disse...

Esse é um grande merda, baita muquirana e jagunço da esquerdalha internacional.

Anônimo disse...

Esse esquerdista matou um monte de gente com o lockdown que, escandalosamente, ele mesmo reconheceu que não deu certo. Arruinou a economia do estado de Nova York.
Seu colega, a múmia trapaceira, ganhou com a maior fraude já vista nos Estados Unidos.
O Biden apareceu na tela do Super Bowl fazendo gracinha, pedindo minuto de silêncio para as vítimas do Covid que ele ajudou a matar. REcebeu uma vaia histórica.

Enzo disse...

Essas frangas democratas são tudo comunas. A propósito, o "corajoso" Diego Casagrande virou a casaca?

Anônimo disse...

pois é, esse é outro esquerdopata que falou mal de Bolsonaro e ainda o impediu de receber um prêmio ano passado em instalações públicas de lá. Agora a gente vê o retrato da figura e a coisa é feia. Cadeia nele!

Anônimo disse...

O PREFEITO CUOMO COMEU A ASPONE E O CASO É ANTIGO.

AS MULHERES ESPERAM 10 ANOS PARA RELEMBRAR O ORGASMO FORÇADO!

Anônimo disse...

Aí Comedô, digo, Guvernadô!! A baranga tintregô, mané? Bem feito pelo que tu feiz co Trumpe!!!

Anônimo disse...

VÍDEO: Por dentro e por fora, como é a mansão de R$ 6 milhões que Flávio Bolsonaro comprou em Brasília:

1 março - DCM

Esse imóvel de luxo fica no Setor de Mansões Dom Bosco, no Lago Sul, bairro nobre da capital, e vinha sendo anunciado com destaque em sites de imobiliárias locais: “A melhor vista de Brasília da suíte máster”, dizia um anúncio que está desativado. Nos últimos meses, Flávio e sua mulher visitaram discretamente outras casas de luxo, algumas às margens do Lago Paranoá e anunciadas por até R$ 10 milhões.

O novo negócio imobiliário do filho do presidente, investigado por suspeita de lavagem de dinheiro com imóveis, foi cercado de cuidados. O senador não procurou um cartório no local e optou por lavrar a escritura de compra num serviço notarial de Brazlândia, cidade-satélite a cerca de 45 km do Plano Piloto. Parte dos R$ 5,97 milhões pagos no imóvel foi financiada junto ao Banco Regional de Brasília (BRB), presidido por Paulo Henrique, nome do governador Ibaneis Rocha, que é aliado do clã Bolsonaro.

A mansão que será o novo lar de Flávio Bolsonaro tem 1,1 mil m² de área construída, num terreno de 2,5 mil m². A imobiliária, que tinha exclusividade na venda, gravou até um vídeo feito com drone e informou no site os detalhes da propriedade. Dois pavimentos, com “preparação para elevador”, piso em “mármore carrara” nos banheiros e “crema marfil” nas salas e suítes, além de “esquadrias em alumínio anodizado com persianas automatizadas”.

Confira o imóvel: (...)