Dica do editor - Veja a série israelense "O Espião"

O editor viu e recomenda esta série, que mostra em uma das primeiras cenas da minissérie 'O Espião', que acaba de estrear na Netflix, Eli Cohen, interpretado pelo ator britânico Sacha Baron Cohen (não há parentesco entre os dois), aparece em uma cela de prisão com os dedos das mãos ensanguentados e as unhas arrancadas. Até ser desmascarado pela inteligência síria, em janeiro de 1965, ele foi Kamal Amin Ta'abet, um magnata filho de pais sírios que se infiltrou no seleto círculo militar e na alta sociedade de Damasco a ponto de virar confidente de membros do governo e ser cogitado para o cargo de vice-ministro da Defesa do país.

8 comentários:

Anônimo disse...

Excelente dica , Editor. Uma boa série. Eli Cohen , um simples contador,foi recrutado e infiltrado por Israel na Síria. Fez tanto sucesso na Síria, que chegou a ser cogitado ao posto de Ministro da Defesa daquele país !!
Tia Glória.

Anônimo disse...

Excelente dica , Editor. Uma boa série. Eli Cohen , um simples contador,foi recrutado e infiltrado por Israel na Síria. Fez tanto sucesso na Síria, que chegou a ser cogitado ao posto de Ministro da Defesa daquele país !!
Tia Glória.

João Paulo da Fontoura disse...

Políbio,
Li o livro há uns dois anos; tenho a história bem viva em minha mente. O contador veio para a Argentina, montou um empresa fake de comércio para gerar uma história, voltou para a Síria, envolveu-se com um milionário sírio, teve as portas abertas e tranformou-se num eficiente espião. Sabia dos riscos. Fê-lo por amor à Pátria. Passou muitas informações sobre as Colunas de Golan, extremamente importantes a Israel. Belo, mas duro, pesado, filme!

João Paulo da Fontoura disse...

Políbio,
Li o livro há uns dois anos; tenho a história bem viva em minha mente. O contador veio para a Argentina, montou um empresa fake de comércio para gerar uma história, voltou para a Síria, envolveu-se com um milionário sírio, teve as portas abertas e tranformou-se num eficiente espião. Sabia dos riscos. Fê-lo por amor à Pátria. Passou muitas informações sobre as Colunas de Golan, extremamente importantes a Israel. Belo, mas duro, pesado, filme!

Anônimo disse...

O q chama a atenção é como a mídia deu pouca atenção a esta série. Se os fatos realmente ocorreram como aparecem na série é estarrecedor como o Mossad deixa seus agentes à própria sorte. Tudo pela causa. Ate hoje nao assisti qquer filme ou série detonando, lentamente, o Mossad, pois sempre fou mostrada uma visão romântica. Há extremistas em ambos os lados desta guerra.

Ultra 8 disse...

Qual cidadão de bem não sabe que TODOS os primeiros ministros de Israel, foram TERRORISTAS?!

Os palestinos, estão perdendo seus territórios, a olhos vistos, e a mídia sionista mundial, fica mudinha , por obvia conveniência.

A história, sempre foi contada pelos vencedores....

João Bucecha disse...

Políbio, de onde você tira tempo para assistir séries de TV ?? Pergunto, porque esse teu blog é pura energia, dinamismo e alta produtividade.

Anônimo disse...

O debate qualifica a ação:
https://www.youtube.com/watch?v=OkgBpV1GECw

Traidor da Constituição é traidor da Pátria:
https://www.youtube.com/watch?v=Ycej_VPs-GY

Povo, seu governo voltou às suas mãos:
https://www.youtube.com/watch?v=XL61CXCQfH4

Eu tenho um sonho:
https://www.youtube.com/watch?v=2-fxdH1s5U0

A história em discursos - 50 discursos que mudaram o Brasil e o mundo:
https://www.youtube.com/watch?v=LijPc8r0nM4

Collor Presidente - trinta meses de turbulências, reformas, intrigas e corrupção:
https://www.youtube.com/watch?v=86r2cWKAE8Y

Ditadura à Brasileira, 1964-1985 - a democracia golpeada à esquerda e à direita:
https://www.youtube.com/watch?v=qAVdjEFrUjE

Quando eu vim-me embora. História da migração nordestina para São Paulo:
https://www.youtube.com/watch?v=MZCewpq2Llw