Colégio Rosário (Maristas), Porto Alegre, entra na "resistência" contra o presidente eleito Jair Bolsonaro

O protesto lulopetista dos alunos foi hostilizado de imediato por outros estudantes, que passaram a mostrar a bandeira do Brasil e a gritar "Mito !", "Mito !". A direção do Rosário tirou nota escapista, dizendo que não teve a nada a ver com os aparelhados protestos contra o presidente eleito Jair Bolsonaro. 

O vídeo abaixo mostra centenas de alunos do Colégio Rosário, Irmãos Maristas, Porto Alegre, dando as mãos no pátio da escola, todos de preto e gritando a palavra de ordem do Psol contra o presidente Jair Bolsonasro, eleito, ontem, por esmagadora maioria.

A manifestação contou com o apoio da direção do colégio e não se resumiu ao pátio, porque o leitor pode examinar a presença de alunos em todos os andares. Os colégios Santa Inês e Bom Conselho também fizeram parte da rede de protestos.

Os estudantes gritam repetidas vezes as palavras de ordem cunhadas pelo líder do Psol, Guilherme Boulos, que fez 0,5% dos votos, e que hoje promete comandar protestos de rua em todo o País

- Seremos resistência.

Que tipo de resistência ? Guilherme Boulos explicou ao G1: " “E é importante que aqui se diga e se reafirme: vai ter resistência. Entre a prisão e o exílio, nós escolhemos as ruas”.

48 comentários:

Anônimo disse...

Um monte de filhinho de papai...que provavelmente estao trabalhando para pagar a pesada mensalidade desta escola...ou seja...os filhos mordendo a mão que os alimenta.

Anônimo disse...

video errado...

não é esse...

Cerberus disse...

Peço licença para fazer uma correção: o vídeo não é esse, o link certo para o vídeo é:
https://www.youtube.com/watch?v=TWyutIIVjvU

Anônimo disse...

A igreja católica é comunista, perdeu a sua referência: Jesus Cristo.

Anônimo disse...

Não é fácil deletar da cabeça dos estudantes anos e anos de doutrinação!

Anônimo disse...

geração Malhação...

dinheiro no bolso e uma cabeçinha vazia...

uns pobres coitados cujos pais devem ter votado a quem eles dizem que farão (pausa para risos) resistência...

papai corta a mesada e a resistência rapidamente desaparece...

Anônimo disse...

É o mesmo que acontece nos EUA, nas não por acaso, o financiamento e a origem das ideias, de jerico, são a mesma, George soros, o mal sempre vivo.
Bolsonaro poderia fazer como alguns países europeus estão fazendo: banir toda e qualquer ONG ou instituição ligada a ele.

Anônimo disse...

Padres adorando que Deus? Marx virou agora um Deus e Boulos um sacerdote com seguidores???? Novos mandamentos: Roubarás, praticarás aborto, invadirás, esfaquearás, mentirás, são estes os valores ensinados pelos maristas???? Liberdade tem limite, menores de idade estão sob a responsabilidade de seus pais e pergunto, podem professores e seus chefes permitir invadir a liberdade dos pais de seus alunos menores? É o caso de um inquérito para verificar responsabilidades, sem mimimis nem politicamente correto, apenas o que legalmente é correto. Certamente que alunos que não participaram destas atividades vão sofrer bullying e estes podem ser seus filhos. Cuidado onde colocam seus filhos, a vítima pode ser você!

Anônimo disse...

Este lixo humano deveria ser morto. E eu teria o maior prazer de meter-lhe u na bala no meio da testa

Anônimo disse...

Resistência contra quem defende os princípios da Bíblia? Que tipo de padres são estes? São livres sim, mas por coerência devem imediatamente renunciar à batina, isto é simples e honesto. Quem garante que os estudantes que não participaram não vão agora sofrer bullying, uma das especialidades da esquerda?

Unknown disse...

Conhece a palavra empatia? Lindo de ver, que mesmo numa situação boa pra eles, se revoltam com a intolerância!

Emmanuel disse...

Entre a resistência e a rua .... o ideal não seria colocar na rua os professores que não ensinam as matérias do currículo??

Anônimo disse...

Pais trouxas/frouxos...

Filhos otarios...

Anônimo disse...

Tanto tempo de doutrinação que esquecem o que é democracia!

Anônimo disse...

Conforto, casa comida, cartão de crédito, iPhone, Nutella, e morar num país sem guerra, dá nisso. Se este bando de fedelho quer mesmo fazer resistência, pq não vai pra Nigéria resistir ao Boko Haram?

João Bucecha disse...

Outro covil de mentecaptos.

Anônimo disse...

Boulos Boca-de-Camelo, com 0 virgula traços de votos, quer comandar a resistência com o apoio dos filhos da classe média alta! É muita cara de pau, dele e da diretoria do colégio. Não colocaria meus filhos lá nem com bolsa perpétua para meus descendentes. Quero dar a eles educação!

VAGNER disse...

EU COMO CATÓLICO QUE SOU ACREDITO QUE TEMOS QUE EXPURGAR ESTES COMUNAS, TRAVECOS, VESTIDOS DE PADRES OU SACERDOTES E MANDAR ELES , COM PASSAGEM UNICA PARA CUBA, RUSSIA OU PQP, SÃO PRAGAS E NADA DE HUMANOS.

Anônimo disse...

Criminosos manipulando mentezinhas fracas de adolescentes estúpidos. Estúpidos porque ninguém nunca os ensinou a pensar. Tb não ensinaram matemática ou português. Hora dos pais pensarem em procurar escolas laicas. Melhores do que católicas. Hj temos um papa vermelho. Maldita hora em que o imundo assentou no lugar do Santo. Melhor salvar a alma desses infelizes alunos, pq o corpo já deve estar contaminado pelos entorpecentes que são consumidos nesses colégios, para auxiliar no processo de idiotizacao.

Anônimo disse...

Acabar com o aparelhamento das escolas será uma grande tarefa.

Anônimo disse...



Meu filho está numa escola marista - PIO XII/Novo Hamburgo - que pauta por qualidade de ensino e até agora nada deste tipo aconteceu. Ao contrário, trouxeram o astronauta Marcos Pontes cerca de 2 meses atrás para palestrar para os alunos e fui assistir este brasileiro extraordinário. Foi uma aula de realização pessoal, civismo, respeito ao outro e brasilidade. Sensacional. Ali me alegraram 2 coisas; a primeira é que a diretoria da escola está realmente preocupada com ensino e qualificação dos alunos , e a segunda , de que teremos um maravilhoso Ministro da Ciência e Tecnologia no Governo Bolsonaro!

Anônimo disse...



Ausência paterna e materna dá nisso!

Deixam a escola educar politicamente o filho porque não estão próximos da criança. O meu eu conheço e monitoro, que é o papel de um pai. Só notas excelentes, temas de casa sempre na data e vigilância com papinhos furados de esquerda..dai é fácil educar..

Anônimo disse...

Detruir a família e uma das principais linhas de pensamento da esquerda,estes jovens são os o exercito doutrinado muito útil a esquerda

Anônimo disse...

Meu amigo, quando digo que aqui no RS, mais especificamente em Porto Alegre, há as maiores incubadoras de comunistas da AL eu não estou brincando. As imagens que você verá agora, não foram feitas num acampamento do MST com manifestações dos sem terrinhas. Foram feitas aqui em Porto Alegre dia 29/10, ontem de manhã, num colégio de doutrina Marista, onde os alunos são de classe média alta, o famoso Rosário, que deu origem a nada mais nada menos que a poderosa PUC-RS à algumas poucas décadas. Observe os marmanjos (tios/professores) enfileirados com as crianças e adolescentes. Um desrespeito flagrante aos 55 milhões de eleitores que indicaram o Presidente. É o ovo da serpente sendo chocado nas nossas barbas! A revolução cultural depois de 64 foi muito forte! Essa história vai longe!!!

Anônimo disse...

Resistência de tênis Nike e "plata" pra gastar na cantina é barbada.
Não consigo entender os Padres: rejeitam os capitalistas que pagam mensalidades e afagam os comunistas que rejeitam a igreja católica.

Justiniano disse...

Isso que é a legitima masturbação mental ou seria suruba ideológica.

Esses filhos da puta dos professores é que deveriam ser processados porque esses alunos são uma manada de imbecis e retardados que não tem noção de nada da vida e são incutidos por professores petralhas.

Primeira ameaça de um assaltante a essa piazada de bosta saem se borrando todo e chamando pela mãe.

Anônimo disse...

Vergonha!!! Isso é ausência dos pais!!

enio@predilar.com disse...

Caro Políbio
Na condição de ex-aluno do Rosário e da PUC, lamento muito que estejam ensinando nossos jovens a transigir com roubos e falcatruas.

CAVALO BRANCO diz quem é disse...

Caro amigo Políbio.
OS PAIS DESTES JOVENS DE PRETO DEVEM SABER QUEM SÃO. SE SÃO PAIS DE FATO, MOSTREM UMA MANEIRA ENÉRGICA DE EDUCA-LOS, PROPONDO A ELES IREM PARA UMA ESCOLA PÚBLICA, SEM SMARTS, SEM REGALIAS, AFINAL ESTÃO CUSTUANDO SOCIALISMO.

Anônimo disse...

Só não vê quem não quer a propaganda subliminar que fizeram nesses direita.
Tão TUDO histéricos, não se dão conta?

Anônimo disse...

"Anônimo disse...30 de outubro de 2018 08:49

???astronauta Marcos Pontes??? civismo, brasilidade? O cara desceu da nave e se aposentou, foi se aproveitar da situação para dar palestras por aí. Um só minuto para a Aeronáutica, centro espacial brasileiro NADA. Forças Armadas, NADA. Nem ao menos disse como foi.
Isso é um Brasileiro? Faça o favor. Tão cegos meu.

Anônimo disse...

Bem que aqui na zona sul da cidade o dito já se 'incorporou à língua': "vais por teu filho no MARXISTA?

Anônimo disse...

PARA QUEM AINDA PENSA COMO ANTIGAMENTE,ONDE SE MANDAVAM OS FILHOS PARA AS ESCOLAS CATÓLICAS,AÍ VAI O RESULTADO:UM BANDO DE TARADOS E ANORMAIS,CUJA A VIDA SE BASEIA NA FALSA SUPRESSÃO DO SEXO,FORMANDO UM BANDO DE IMBECIS!!

Unknown disse...

Polibio, teve a participação da escola, foi liberado a entrada dos estudantes vestidos de preto.
Diretor é conivente.

Unknown disse...

Será que os pais sabem???

Marcos e Edina disse...

KKK... resistência com papai e mamãe bancando ..fica fácil!! Fácil ser comunista no Brasil. Lamentável isso.

Unknown disse...

Pensei o mesmo. Marxismo em escola católica mariana??

Anônimo disse...

Pessoal, é só uma manifestação a favor da DEMOCRACIA!!! é só um recado ao novo presidente!!! Isso é o que todos desejam não é? não é contra o Presidente eleito, visto que os pais votaram em massa no Bolsonaro. Eu como mãe de aluno rosariense aprovo o ato, pois penso ser de extrema importância o apoio, a convicção, o desejo da manutenção da democracia como ensinamento para esses novos formadores de opinião.



Juliana disse...

É uma tragédia também para os pais. Outro dia presenciei uma mãe tentando explicar para a filha porque o kit gay não poderia ser mostrado para uma criança de 6 anos. A filha, com o cérebro completamente lavado pela ideologia de gênero, não aceitava nenhum argumento da mãe. Então, pedi licença à mãe e interferi. No fim a guria entendeu nossos argumentos (meu e da mãe) e pedi a ela que começasse a refletir e a buscar sempre os dois lados da história. mas olha... A mãe tava tomando um laço da guria, pq esse pessoal entra de tal forma na cabeça da gurizada que parece que só existe essa verdade. Eu hein?! Quem educa meus filhos sou eu! Tem que prestar atenção todos os dias...

Unknown disse...

Estudei em colégio Marista ( Cristo Rei) e política nenhuma nunca teve lá, esta" modernidade" assusta.

Anônimo disse...

Tempos de trevas retornando. O surrado blablabá, querendo justificar atrocidades em nome da "ameaça comunista". Lembrem que estamos no século 21.

Maria Lúcia Marubin disse...

E os pais pagando uma fortuna de mensalidade, acreditando que seus filhos estão lá para aprender, livres de pensamento; não de doutrinação. Isso é literalmente doutrinação; essas crianças nem sabem ou conhecem o que é militarismo. Lamentável uma direção permitir esse tipo de evento.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Mel disse...

Vivemos em uma democracia. Assim, a liberdade de expressão é válida. Tolher esta liberdade é o reverso da maturidade.

Mel disse...

De que planeta vc veio? Quanta bobagem.

Mel disse...

Cabecinha é com c e não ç. Vc faltou a esta aula?

Anônimo disse...

Tenho um filho estudando lá, sempre lembro a ele que deve resistir a qualquer tentativa de lavagem cerebral, ser crítico, e lembrar-se sempre que esta lá para estudar, o resto é merda.
Quanto aos alunos que participaram/fizeram o protesto penso o seguinte: parte grande de nossa sociedade a anos vem mamando nas tetas deste governo que se vai (tarde). Muita gente perderá privilégios e isto gera uma revolta que é refletida nos jovens. Não é só a gurizada que corre o risco de perder o iPhone ou Nike da hora, são seus pais politicamente corretos, o trabalho se aproxima e assusta!!!