Dois imóveis, R$ 3,9 milhões, de Zé Dirceu, vão a leilão judicial até amanhã

Preso como corrupto, Zé anda solto por decisão de Dias Toffoli.

CLIQUE AQUI para conhecer os crimes que resultaram na condenação do petista a 23 anos de cadeia.

Dois imóveis, R$ 3,9 milhões no total, ambos do  réu condenado por corrupção José Dirceu, líder máximo do PT,  estão disponíveis em leilão judicial até terça-feira. Os bens sequestrados na Operação Lava-Jato foram colocados à venda por decisão do juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba. 

No mês passado, uma casa do ex-ministro, no bairro da Saúde, em São Paulo, foi arrematada por R$ 465 mil.

 Um dos imóveis ofertados é um prédio comercial, em Moema, bairro nobre na zona sul da capital paulista, com 500 metros quadrados. No local funcionava a sede da empresa JD Assessoria e Consultoria, propriedade de Dirceu. O preço inicial para o leilão é de R$ 3 milhões.
Publicidade

O outro imóvel é uma chácara em um condomínio no município de Vinhedo, interior paulista, com 2,3 mil metros quadrados. O lance inicial para a propriedade é de R$ 900 mil.

5 comentários:

Anônimo disse...

Kkkkk, estão tirando 0, 0001% do que ele roubou, vcs acham que dinheiro sujo eles guardam aqui.

Anônimo disse...

Tem de deixar este ladrão com a cuia na mão, afinal, o dinheiro era do povo e para o povo há de voltar !

Anônimo disse...

Cadeia para este cínico e frio bandido de duas caras.

Anônimo disse...

Tenho certeza, anônimo das 14:49, que o patrimônio imobiliário é muito grande. Coisa que nós, relés povo, não temos noção do tamanho.
Petralha com tantos imóveis e a turma do mst e do mtst nunca promoveu uma invasão...
A quadrilha ajuda-se mutuamente, ainda mais com o toffoli, o levandowski e o gilmar segurando a onda no supremo.

Anônimo disse...

Tem de botar o Zé de volta na cadeia! Urgente!