Cai ligeiramente Índice de Confiança da Construção

O Índice de Confiança da Construção (ICST), divulgado há pouco pela FGV, recuou 1,6 ponto na passagem de julho para agosto, para 79,4 pontos, revertendo o avanço de 1,7 ponto verificado no mês anterior e seguindo abaixo do nível neutro de 100 pontos.

A retração no período foi impulsionada pelo componente de expectativas, que recuou 3,5 pontos e compensou o ligeiro avanço de 0,3 ponto do indicador de situação atual. 

Os números demonstram que o conjunto de indicadores já conhecidos é compatível com um quadro de expansão bastante moderada da atividade econômica ao longo do terceiro trimestre.

Um comentário:

Anônimo disse...

O mercado só vai reagir depois que o Bolsonaro, caso eleito, anuncie as reformas à semelhança do que fez o Trump reduzindo os impostos, dentre outras medidas para acabar com as derramas decorrentes da pilhagem feita pelos políticos.