Gebran desautoriza Moro e manda soltar ex-gerente da Petrobrás

O TRF4 parece estar mudando de entendimento sobre prisões preventivas prolongadíssimas.

O desembargador Gebran Neto, TRRF4, Porto Alegre, mandou soltar um condenado pelo juiz Sérgio Moro. Ele ,mandou libertar o ex-gerente da Petrobras, Luís Carlos Moreira da Silva.

22 comentários:

Anônimo disse...

Caro Polibio , frequentemente passo por aqui e leio seus posts. O que se nota é que sempre que há uma notícia sobre o Lula ou PT um determinado "leitor" cópia textos de sites e cola em seu espaço. Troço xarope visto não acreditar que alguém leia as longas asneiras.
Fica uma sugestão : publiques opinião de leitor com no máximo 5 linhas.
Ninguém perde tempo lendo textos mais longos do que isto.

Unknown disse...

Chega de lero lero, Gebran... tira a bunda de cima do processo de Lulla!!!

Pilincho disse...

O TRF4 irá nos surpreender?

Anônimo disse...

Mal sinal! Parece q. voltaremos a prender, após pedido do réu, ladroes de galinha. Tudo como dantes no quartel de abrantes.

Anônimo disse...

Tudo 'acertado' para libertar Cunha para não fazer delação.

Anônimo disse...

O proprio leitor das 9:11, adimite que as prisões prolongadas servem para forçar uma delação. Estamos combatendo crimes com outros crimes?

Anônimo disse...

É só o que falta, agora na reta final das condenações, o TRF-4 amolecer com a corrupção!!!

Anônimo disse...

Meu Deus! Que não seja verdade que o TRF4 esteja amolecendo. Tínhamos tanta esperança que o Brasil melhorasse ...

Anônimo disse...

Anônimo das 08,43:
Já tenho escrito nesta direção.Muito obrigado.
Este espaço entendo ser uma franquia dada pelo editor,para que possamos dizer nossas opiniões,e não para colar textos.
É um saco.
Mas o editor não regulamenta o assunto.
Pode ser que mais leitores como tu e eu reclamamdo,o editor faça alguma coisa.

Anônimo disse...

Comunistas gauchos começaram a salvar seus ladrões. Demorou mas estão começando à oficializar a cubanização do Brasil.Assistam o filme " primeiro eles mataram meu pai " na Netflix

Anônimo disse...

No depoimento que deu hoje ao juiz Sérgio Moro, como testemunha na ação movida contra o ex-presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, Dilma Rousseff disse que “as punições pelos processos de corrupção devem ser aplicadas aos executivos envolvidos e não às instituições”.

— Acho que a gente tem que punir maus feitos, punir executivos ou funcionários que pratiquem maus feitos. Mas as instituições são produtos sociais, não podem ser punidas.

Será que Dilma tem razão? Será que os prejuízos são só para os donos das empreiteiras e não do país?

Reparem: 3,64 milhões de empregos, R$ 44,7 bilhões em salários de trabalhadores e R$ 18,7 bilhões em impostos, por conta de uma condução espalhafatosa, irresponsável, que poderia ser conduzida como lá fora se conduz (vejam, por exemplo, os casos em que a alemã Siemens ou a Volkswagen se envolveram – mas que, precisava ser conduzida assim por conta de um processo destinado apenas a fastar Lula do processo eleitoral, com alegações sobre um pombal no Guarujá ou o aluguel de um apartamento na modesta São Bernardo do Campo.

Anônimo disse...

A tua opinião tem mais de 5 linhas...

Anônimo disse...

QUEM GARANTE QUE NÃO SÃO NAMORADOS E ESTÃO COM MUITAS SAUDADES?

Anônimo disse...

Não é o caso de "desautorizar", Editor!!! Como o cabra foi condenado e a prisão preventiva decretada lá atrás por Moro deixou de fazer sentido, o TRF4, acertadamente, manda soltar o réu, que pode recorrer em liberdade! É a lei!! Moro podia mandar soltá-lo, mas havia um recurso pendente do réu junto ao TRF4, que mandou soltá-lo, como sempre fez em casos semelhantes! Só isso!!
Caso o TRF4 confirmar a sentença de Moro, o referido réu deverá iniciar o cumprimento da pena, isso enquanto não mudar o entendimento do STF sobre a prisão para condenados em 2ª instância!!!

Anônimo disse...

Claro. O Gilmar esteve em P.Alegre...

Anônimo disse...

Assisti, Anônimo das 11: 10. Os métodos de TERROR dos comunistas são os mesmos, desde a Revolução russa , de LENIN , depois utilizados para a tomada do poder em outros países , como CUBA , VENEZUELA e VIETNAN . A receita é MARQUETING aliado ao TERROR .!!!

Anônimo disse...

Concordo com a exclusão dos comentários com longos textos. Além de serem as vezes postados via Ctrl-C Cotrl-V.

Anônimo disse...

E o que dá: "prisões prolongadíssimas", principalmente quando são provisórias, fazem os réus mudar depoimento e delatar quem o Juiz ou o MPF quer que ele delate.

Anônimo disse...

***
Sabia que uma hora isso ia
acontecer: vejam que o Luladrão não fala mal do TRF4, que aumentou as penas de seus cúmplices. Já está tudo combinado com o TRF4, assim como com o TSE, TREs...

Já começou a virada do TRF4.

Não foi à toa que recentemente houve troca da presidência no TRF4, assumindo um cara desconhecido, que ficou posando de celebridade na mídia.

Tá tudo dominado!

Luladrão só fala mal do Sérgio Moro!!!!!!!

Anônimo disse...

.
E tu achas que o Luladrão não compraria o TRF4??

Até já trocaram o presidente, pra dar o mesmo golpe que o PeTralha Dias Tóffoli deu no Brasil, como presidente recém eleito no TSE em 2014 = recém havia assumido com um único objetivo: fraudar as eleições para dar vitória falsa ao PT. O boiola alterou o resultado final, SÓ o suficiente para dar vitória à anta esquizofrênica!

Dias Tóffoli estava na companhia de dois bandidos cúmplices: Gilmar Mendes e José Eduardo Cardoso, o ex-ministro da (in)Justiça de Dilmaléfica.

Esses dois últimos avisavam os bandidos do PT pra fugir, antes da PF localizá-los.

Anônimo disse...

pobrezinhos desses LADRÕES em prisão preventiva. Devem deixar TODOS gozarem o dinheiro roubado, e sem delação,
Os caras se arriscaram tanto, que devemos respeitar e deixar eles usarem o dinheiro.
Assim como eike, não fez nada de mais.
os caras que vão na fila dos hospitais, que se f0D@m

Anônimo disse...

Todos lenientes, cúmplices com a corrupção. Não vai dar em nada m esmo, né?