Professor de pós de economia da Ufrgs dixed: "O RS acabou !"

Flavio Comin, professor do programa de pós-graduação em economia da UFRGS, dixed:

- O Rio Grande do Sul faliu. Faliu como Estado e está falindo com sociedade.

E é.

Flávio Comin foi um dos palestrantes do evento IRS, promoção da RBS, realizado ontem em Porto Alegre.

O iRS é uma espécie de IDH do RS. Entre 2008 e 2013 ele avançou bem, mas a partir daí passou a despencar.

34 comentários:

Anônimo disse...

Não só o Rio Grande do Sul, vários estados estão na lista.
Rio de Janeiro puxa a fila.

Anônimo disse...

curioso que foram anos e anos de petismo...

a falência não foi coincidência, pfêssô....

Anônimo disse...

Parabens ao professor, coragem nao lhe falta para proferir palavras duras e honestas.

Um estado que sempre apostou na esquerda, cedo ou tarde paga o pato.

Justiniano disse...

O RS vive das glórias do passado e a classe política remete aos idos da república velha.

O nosso grande problema é essa visão de espelho retrovisor somente olham para passado quando deveriam olhar para frente.

O RS tem o mais importante para uma retomada da economia, que é o recurso humano capacitado, e esta não encontrando opções aqui, vai para outros estados e não volta nunca mais.

Anônimo disse...

Nenhuma novidade num Estado que abriga notórios comunistas e deles se orgulha. Nada mais nojento que glorificar Prestes, e sufragar continuamente figuras simplórias como Olivio Dutra e Jussara Cony, mas de elevado potencial destrutivo em razão da ideologia que professam. O que dizer então de Tarso Genro e a doida varrida da sua Luciana. Da Maria do Rosário e da Melchiona, do Pedro Ruas e do Raul Pont, do Rosseto e do senador salário mínimo, que de mínimo tem a cognição, e assim poderia ficar citando nomes sem parar. Repito, nenhuma novidade. Sempre foi um Estado autárquico e corporativista, que se orgulhava de ter uma CRT, DAER, CEEE, e um sem fim de outras siglas de triste memória, verdadeiros sorvedouros de recursos da sociedade, a engordar as corporações nelas encasteladas. Nenhuma novidade.

Mordaz disse...

E o Brasil não? Depois que jornalistas defenderam a roubalheira do Temer e o povo ficou em casa calado, este país acabou como nação.

Mordaz disse...

Um país em que políticos são incompetentes até para imprimir dinheiro.

Anônimo disse...

O LOko che, eu não sou economista mas já sabia disso há muito tempo. Falido mas arrogante; O Banco de todos os gaúchos, CEEE pertence aos gaúchos e assim fomos proo brejo.

Anônimo disse...

Sabemos disto desde que resolveram regravar o Teixerinha ao invés de investir na Ospa...

Anônimo disse...

"Se é a vontade do povo brasileiro eu promoverei a Abertura Política no Brasil. Mas chegará um tempo que o povo sentirá saudades da Ditadura Militar.
Pois muitos desses que lideram o fim da ditadura não estão visando o bem do povo mas sim seus próprios interesses."

Frase do General Ernesto Geisel.

Anônimo disse...

Petralha corruPTo, das 18,14. Quem elegeu o temer, foram vcs. Qto a fazer passeatas e bater panelas, agora é tudo com a ORCRIM.

Anônimo disse...

Infelizmente os gaúchos vivem de glórias passadas mandadas 'esculpir' por Borges de Medeiros.

Anônimo disse...

Anonimo das 18:14 hs, O Brasil acabou como nação depois de 2003 e não depois de 2016, pense nisso.Quebrou evonomicamente e moralmente, aos poucos foram enfiando abobrinhas nas escolas, Leis para beneficiarem criminosos de todos tipos, Fronteiras abertas facilitando entrada de drogas e todo tipo de armas, o resultado é esse que edtamos colhendo.O Temer apenas faz parte, dessa máquina, por ter feito parte do desgoverno com seu partido, dando aval para tudo de errado que ocorria.

Anônimo disse...

"Se é a vontade do povo brasileiro eu promoverei a Abertura Política no Brasil. Mas chegará um tempo que o povo sentirá saudades da Ditadura Militar.
Pois muitos desses que lideram o fim da ditadura não estão visando o bem do povo mas sim seus próprios interesses."

Frase do General Ernesto Geisel.

Alberto disse...

Vergonha de ser Gaúcho. Viva Expointer/Semana Farroupilha/Gre-Nal.

elias disse...

Mordaz, desde quando politico imprime dinheiro?
Só a quadrilha do lulladrão conseguiu isso!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Polibio, "O Mestre o disse" se escreve "magister dixit", não "dixed". De resto, concordo em gênero, número e grau com o professor. Gerações de políticos tíbios, incompetentes, mal intencionados e microcéfalos nos trouxeram este estado de petição de miséria. E o que é pior: o povo NÃO vai querer tomar o remédio amargo necessário. O fim está muito próximo e eu não quero estar aqui para presenciar. O Salgado Filho é a melhor saída...

Anônimo disse...

Políbio, pergunta a ele o que ele acha do Estado do Rio de Janeiro!

Anônimo disse...

o professor tem razao depois que o pt virou governo o estado e a capital despencaram nunca mais nos reerguemos estamos no caos só piorando foi queda livre ....eu nunca votei em pt e quem votou alguns qu votaram se arrependeram no estado mesmo o o pt nunca ganhou p presidencia- nunca, ja quando desgovernou no estado o afundou ...ainda bem q foi varrido

Anônimo disse...

Polibio, vem ca', esse instituto ai esta cheio de vagabundos enfiaodos la, tem gente da altus, jergau, zafari e outros, so golpista, os de sempre a mesma turma q aplica golpe a muito tempo, tu querias o que?

Anônimo disse...

Brilhante !

Anônimo disse...

E o ilustre professor continua fazendo o que ainda por aqui ?
Proponha soluções caro professor, de apologistas do fracasso estamos cheios!

Anônimo disse...

Flávio Comin não envergonhe a UFRGS. O Sr. como Economista deveria mostrar a saída para a crise que deixaram o RS. Deveria sim questionar os gestores da coisa pública e chamá-los para assumir a responsabilidade. Quando Ieda Crussius governou o Estado deixou-o no azul como mostraram as Estatísticas. O que fizeram com o dinheiro?

Anônimo disse...

OBRA PRIMA dos PROFESSORES!


Anônimo disse...

Pelo contrário, tem futuro e muito: temos petróleo e metano em abundância, além de carvão mineral (que de alguma forma será aproveitado no futuro para gerar energia de forma limpa e sustentável) e, como já citado, cérebros humanos de sobra, se souber aproveitarmos isso acredito que chegaríamos longe, pode parecer exagero de minha parte, mas o RS poderia ocupar a segunda posição na economia nacional (sim, à frente do RJ e de MG que, ao meu ver, estão muito piores que o RS).

Roberto disse...

Vai ficar só o Pode Legislativo e o "Judasciário", esses são "imexíveis", todos com seus altos salários e privilégios!

Luiz Vargas disse...

Eu sugiro o nome de Tar$o Fernando Hertz Genro, também conhecido como peremPTório inePTo e inútil pen$ador, para síndico da massa falida.
A falência do Estado tem nome e sobrenome: tar$o genro.

Unknown disse...

Finalmente alguém que diz a verdade nua e crua!!!
Em plena UFRGS comunista socialista, uma voz se levanta!!!
Chega de iludir ao povo riograndense com os óculos cor-de-rosa dos BandAids e Aspirinas da União, para curar nossas mazelas incuráveis!!!
Dentro dos moldes atuais, o estado esta literalmente quebrado!!! Insustentável!!!
Hora de pagar o justo/moral com dinheiro e o injusto/imoral com Precatórios que serão quitados quando o Estado melhorar sua situação financeira e de equilíbrio fiscal.

Anônimo disse...

Para os comentarista que estão pefindo a saida para o eEstado do RS, segue a sugestão mais rapida e viavel, "Deixarem de botar em partidos populista de esquerda gastoes e incompetenrntes.Esses partidos de Esquerda investem muito sem ter resultados positivos ex:O Governo do PT/Lula/Dilma investiram o triplo que o Governo do FHC/PSDB em Educação, só que no ultimo resultado do P3ISA o Brasil fivou em penultimo lugar entre 70 paises.A Educação retrocedeu e estava pior que os resultados de 19

Anônimo disse...

Para os comentarista que estão pefindo a saida para o eEstado do RS, segue a sugestão mais rapida e viavel, "Deixarem de botar em partidos populista de esquerda gastoes e incompetenrntes.Esses partidos de Esquerda investem muito sem ter resultados positivos ex:O Governo do PT/Lula/Dilma investiram o triplo que o Governo do FHC/PSDB em Educação, só que no ultimo resultado do P3ISA o Brasil fivou em penultimo lugar entre 70 paises.A Educação retrocedeu e estava pior que os resultados de 2000.Então está provado que todo investimento na Educação nao6chegou mo cérebro dos alunos, ficaram pelo caminho, entre Ministerio da Educação e sala de aula.

Anônimo disse...

O Rio grande acabou mesmo. Inter na segundona, super-Grêmio fora da copa do Brasil.

Anônimo disse...

O Estado do RS é o maior produtor de arroz do País. Produz também frutas, verduras , tem grandes vinícolas, pecuária forte , indústrias de ponta e pólos turisticos . Mas os cidadãos resolveram eleger governos do PT, no passado, que promoveram uma tremenda bagunça na economia do Estado. O governo atual tenta reverter esse quadro, mas a Assembléia Legislativa do RS , com forte influência de partidos de esquerda, liderados pelo PT , não permite as mudancas e as boicota. É a turma do quanto pior , melhor. Fica difícil sair do BURACO.!!! Tia Glória .

Anônimo disse...

O positivismo é o ovo que gerou o PT no Rio Grande do Sul.

Anônimo disse...

Quanto rancor nesta alma...